12.12.2017  /  9:00

10 motivos para idolatrar Rita Lee, que faz 70 este mês, segundo expert no assunto, o DJ Zé Pedro

De Rita Lee tudo já foi dito. Fora os seus segredos mais sagrados que viram teses e lendas entre seus fãs, sabemos tudo sobre a menina loira que se tornou a ruiva pop mais interessante desse país. Adepta mais-que-perfeita da frase “vim para confundir”, sua data de nascimento também é motivo de dúvida: para alguns já passou dos 70, mas para a “idônea” Wikipedia é agora, no próximo dia 31 de dezembro. Fiquemos então com ela para encontrarmos dez motivos para celebrar, idolatrar e amar ainda mais Mrs. Jones.

Rita Lee nos Mutantes já causando aso 22 anos // Reprodução

1) Entrar no palco de um festival em plena ditadura militar com um vestido de noiva que foi surrupiado no wardrobe da Rede Globo não é pra qualquer menininha de 22 anos (P.S.: figurino de Leila Diniz na novela “Sheik de Agadir”!).

2) Ser expulsa de uma banda de rapazes (Os Mutantes), levantar, sacudir a poeira e se tornar a musa absoluta do Brasil é para transformar qualquer livro de auto-ajuda em piada diante de sua biografia.

3) Usar basicamente trocadilhos, ditados populares e outras citações em suas letras mostra um total descompromisso com a pretensão e uma vocação para hitmaker que a gente respeita.

Rita Lee e Roberto de Carvalho // Reprodução

4) Nos fazer acreditar que amor é para sempre através desse “in love forever” entre ela e Roberto de Carvalho. A mania começou em 1976 e até hoje está no chão, no mar, na lua e na melodia.

5) Pequena grande voz, atriz bissexta deliciosa, apresentadora visionária de TV, locutora de rádio sedutora e, mais recente, escritora best-seller. Qualquer maneira de amar Rita Lee vale a pena.

6) Abandonar a ribalta na hora certa é para poucos: Greta Garbo, Brigitte Bardot e….Rita Lee! Senhora sábia, abandonou os palcos no momento certo, deixando uma discografia irretocável à disposição de seus fiéis seguidores.

Rita Lee e João Gilberto // Reprodução

7) Entoar balangandans com João Gilberto, tirar Maria Bethânia para dançar e ter figurino copiado por Elis Regina é coisa de gênia master né?

Primeiro selinho de Hebe Camargo roubado por Rita Lee // Reprodução

8) Quem foi que, em 1997, inventou o mítico selinho dado por Hebe Camargo nos convidados em seu programa de auditório? Rita Lee, of course. Quase mata a loira de susto e prazer.

9) Ela odeia rodeio, despreza quem maltrata animais. Lá nos anos 60 já lutava por isso. na década de 70 já botava a boca no trombone.

Rita Lee e sua eterna paixão por animais // Getty Images

10) Rita Lee é a maior. Ponto. (por Zé Pedro, DJ e dono da gravadora Joia Moderna)