01.03.2020  /  9:00

O bilionário Warren Buffett já tem seu favorito entre todos os democratas que sonham com a Casa Branca

Warren Buffett || Créditos: Reprodução

Warren Buffett já tem seu favorito entre todos os candidatos do Partido Democrata dos Estados Unidos na corrida pela Casa Branca desse ano. Em entrevista para o canal de notícias econômicas “CNBC” na última quinta-feira, o mega-investidor declarou que prefere ver Michael Bloomberg disputando o cargo de presidente do país, apesar de o autointitulado “socialista democrata” Bernie Sanders ser nesse momento o integrante da legenda com mais chances de enfrentar o atual chefe do executivo americano Donald Trump nas eleições de novembro. “Eu certamente votaria nele [Bloomberg], apesar de que como bilionário não acho que seja bom para ele afirmar isso”, Buffett brincou no bate papo. “Mas, de qualquer forma, acredito que o Bloomberg é uma opção melhor do que o senador Sanders”, completou o dono da quarta maior fortuna do mundo.

Mais pra frente, o Oráculo de Omaha explicou que até concorda com algumas ideias de Sanders, como a cobrança de impostos mais altos para os mais ricos, mas ainda o acha um pouco radical demais pro seu gosto e em especial no que diz respeito à antipatia dele por Wall Street. “Certamente existem coisas no sistema capitalista que precisam ser melhoradas, mas ainda assim eu não abriria mão do capitalismo”, disse o multibilionário, que tem estimados US$ 82,2 bilhões (R$ 369,9 bilhões) de patrimônio pessoal.

Buffett só não especificou se escolheria Bloomberg ou Trump caso a disputa final fosse entre os dois, preferindo dizer que “geralmente vota em democratas mas também não carrega cartão de visitas de partido algum”. Na última eleição presidencial americana, em 2016, o maior acionista individual da The Coca-Cola Company apoiou publicamente Hillary Clinton, na ocasião justificando que a considerava como a mais preparada para melhorar a vida dos americanos menos favorecidos. E deu no que deu… (Por Anderson Antunes)