Publicidade
Foto: Jacqueline Papaleo

Uma jornada na Índia é garantia de memórias para sempre desse país rico em cultura, cores, aromas e sabores!

As ruínas antigas são testemunhas silenciosas de muita história.

Começamos a nossa viagem na frenética Delhi.

Ali estão Jama Masjid, a maior mesquita da Índia, e a Tumba de Humayun.

Na área comercial de Chandni Chowk, os souks com aparência caótica são recheados das mais diversas especiarias, frutas secas e naturais, comidas sendo feitas ao lado de uma loja de joias…

E eis que um labirinto de ruelas nos levou a lojas exclusivas de trajes de noivas e noivos! Ali estavam as noivas e mães de noivas sentadas, degustando o chá de marsala e escolhendo as roupas para o casamento.

Nos souks, a história e a socialização são mais importantes do que o produto!

A bordo de um riquixá, atravessamos toda essa loucura!

Mais uma visita interessante em Delhi? Gurudwara Bangla Sahib, um enorme templo sikri que alimenta diariamente 2.000 pessoas. Um trabalho voluntário incrível!

Mercado de especiarias em Old Delhi

Em Delhi nos hospedamos no The Imperial.  Com seu jeitão colonial inglês me encantou pelo atendimento e seus lindos jardins tão bem cuidados. Ah, e o restaurante The Spice Route, é um lugar para você acordar todos os seus 5 sentidos.

Saindo de Delhi, Agra é parada obrigatória para conhecer o imponente Taj Mahal.

Cada pedaço de mármore e das pedras semi preciosas contam sobre uma linda história de amor.

Hotel Oberoi Amarvilas – Agra

Hospedar-se no Oberoi Amarvilas em Agra é ter o Taj Mahal ao alcance dos seus olhos de qualquer janela. Inesquecível!!

Depois desses dias intensos – a Índia é muiiiiito intensa – seguimos para Barwara, próximo ao parque Ranthambore para conhecer o Six Senses.

De cair o queixo! Como todo Six Senses o hotel tem uma pegada incrível de sustentabilidade e wellness! A melhor massagem da minha vida foi feita ali, por uma hinduzinha magra e frágil mas com mãos “brutas”!

Se você puder esticar a sua viagem duas noites, não deixe de conhecer o Six Senses Fort Barwara. Vale cada minuto das 5 horas no carro até lá.

Nossa próxima parada foi em Jaipur, a Cidade Rosa!

Palácio dos Ventos em Jaipur

O Palácio dos Ventos é o cartão postal da cidade mas o gigantesco Forte Amber com destaque para o Salão dos Espelhos e o Palácio da Cidade, moradia da família real, é imperdível.

Tivemos a oportunidade de entrar em algumas salas privativas do Palácio onde a família real se encontra no dia a dia. É toda cheia de pedras semi preciosas e muito coloridas, incrustadas nas paredes. A sala onde eles recebem convidados para jantar é toda azul turquesa com arabescos em branco e com certeza esse ambiente já foi testemunha de muitos acordos de estado ou celebrações do jet set internacional. E ainda vimos a princesa que também apresentava o Palácio para um amigo. Ela que, aliás, tem uma loja fofa no pátio do Palácio, a PDKF STORE. Toda a renda é revertida para uma comunidade.

City Palace em Jaipur – sala privativa do palácio onde o rei vive com a família. Sala das pedras preciosas

Em Jaipur ficamos no Oberoi Rajvilas. Difícil dizer qual dos Oberoi eu gostei mais mas confesso que deixei um pedaço do meu coração no Rajvilas! Lindo, exuberante, jardim verde e viçoso!!

Hotel Oberoi Rajvilas em Jaipur

Não há palavras para descrever tamanha maravilha. É preciso ver de perto e se emocionar!

Nossa última parada foi em Udaipur que é conhecida como a Veneza do Oriente.

O Lago Pichola abriga em suas margens o Oberoi Udaivilas que é mais um escândalo de hotel!

O Museu e o Palácio da Cidade, o Templo Jagdish e Sahelion Ki Bari precisam estar na sua lista. Visita demorada pois tudo é gigantesco mas sempre carregado de muita história!

Se ainda tiver tempo no seu dia, dê um passeio pelo Lago Pichola para ver o por do sol. É um cenário de filme!

Comer na Índia é para os fortes rsrsrs…

Muita, muita pimenta!

Como só fizemos nossas refeições em restaurantes dos hotéis em que nos hospedamos ou nos hotéis TAJ e Leela, em várias ocasiões, pedíamos um menu internacional para fugirmos um pouco dos dias apimentados.

Mesmo com tantos condimentos gostei muito da gastronomia indiana.

E se posso dar uma dica, não se arrisque em restaurantes ou comidas de rua. Isso pode ter um preço alto porque uma iguaria que não caia bem pode atrapalhar muitos dias da sua viagem!

Para as formigas de plantão como eu, não posso deixar de comentar sobre uma sobremesa que é comum pois ela estava em praticamente todos os restaurantes em que estivemos. É um tipo de cocada branca, molinha e quentinha! De comer de joelhos!

Estão curiosos para uma dica de compra? Aí estão, poucas, mas ótimas!

Fotos: Jacqueline Papaleo

Vestidos lindos, bolsas bordadas, antiguidades

Ganesh Handicraft Emporium

City Palace Road, Udaipur

 

Roupas casuais, pijamas, acessórios, presentinhos, tudo com a cara da famosa técnica block print

Anoukhi

Marca conhecida e com lojas nas principais cidades como Delhi, Jaipur e Udaipur

 

PDKF STORE

A loja da Princesa no Palácio da Cidade em Jaipur

 

Joalheria

Gems Paradise 

Com direito a vendedor falando português

Gulab Niwas, M.I. Road, Jaipur

 

Hotéis visitados:

Delhi

The Imperial

Oberoi

The Leela Palace

TAJ

 

Agra

Oberoi Amarvilas

Barwara – Ranthambore

Six Senses Fort Barwara

Sujan Sher Bagh Hotel – Relais & Chateaux

 

Jaipur

Oberoi Rajvilas

The Leela Palace

TAJ

 

Udaipur

Oberoi Udaivilas

TAJ

 

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Dia 12 de Abril

Dia 12 de Abril

Festival de Cannes À medida que o Festival de Cannes se aproxima de seus 80 anos, Thierry Frémaux...
Dia 11 de Abril

Dia 11 de Abril

Fragrâncias de Chanel Pelo terceiro ano consecutivo, a Chanel encanta novamente a capital com seu jardim efêmero durante...

Instagram

Twitter