Publicidade

Um dos destaques do pavilhão brasileiro na Bienal de Veneza é o artista Luiz Braga, em sua segunda participação num evento internacional de peso. Selecionado pelo curador Ivo Mesquita para integrar a representação brasileira no evento ao lado do artista plástico Delson Uchôa, Luiz leva à Itália, e aos olhares mais apurados do mundo das artes, um panorama de sua obra, que mostra trabalhos dos últimos dez anos.

* As mais de 20 fotografias revelam sutilezas do cotidiano e dos diferentes cenários nos povoados ribeirinhos do Amazonas. As obras são cheias de luz, movimento e cor. E segundo notícias quentes de lá, já fizeram o maior sucesso durante a abertura para convidados nessa segunda-feira.

* Na sequência da Bienal, as obras do artista vão para a Suíça, e depois ele vem ao Brasil, onde inaugura no próximo dia 24 uma individual na Galeria Leme. Glamurama, claro, dá um gostinho do que poderá ser visto na Bienal de Veneza a partir deste domingo até o dia 22 de novembro.

Algumas das obras de Luiz Braga na Bienal de Veneza: luz, movimento e cor

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Festa Rabanne na NK

Festa Rabanne na NK

  Uma noite em clima disco para celebrar a abertura da Rabanne em sua primeira operação na América...

Instagram

Twitter