Tatá Werneck, em versão “quase cartoon”, pode virar boneca. Entenda

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Tata Werneck como Fedora || Créditos: TV Globo
Tata Werneck como Fedora || Créditos: TV Globo

Tatá Werneck é a herdeira mimada Fedora em “Haja Coração”, releitura de “Sassaricando”, que estreia dia 31 na Globo. “Ela é dona de tudo, não existe ‘não’ pra ela. Tipo Paris Hilton, que até parece que é irreal, mas é de verdade. O pedido da direção é que eu faça tudo em um tom acima do resto do elenco, em uma linguagem quase cartoon, como se a Fedora fosse um adendo da novela, algo à parte. É uma personagem que pode virar uma boneca, por exemplo, como a Barbie. É pra eu suar tintas de desenho animado mesmo”. Vem ler aqui embaixo os trechos mais bacanas de nosso bate papo com a atriz! (por Michelle Licory)

“Hum, foi para a Globo, né… Mudou” 

“Fedora é sucesso nas redes sociais. Eu, Tata, posto uma foto pensando que minha amiga vai gostar, e não que milhares de pessoas vão ver. E toda vez que publico uma imagem em que eu não esteja vesga nem fazendo piada, criticam: ‘Hum, foi para a Globo, né… Mudou'”.

“Para não ficar com pudor”

“Emagreci seis quilos. Gravo muito de biquíni. Quero estar bem para não ficar com pudor em cena porque a Fedora não teria pudor nenhum de estar de biquíni. Eu tenho milhares de imperfeições. Faço exercício, quero estar bem, não me incomodo que façam retoques no meu corpo para capas de revista, mas é importante que as leitoras saibam que esses truques existem, para não acharem que aquilo é real e ficarem infelizes com elas mesmas … Mudar o formato do meu nariz, aí já é demais. Já mudaram. Mas normalmente, quando alguém me vê ao vivo pela primeira vez, o que mais chama a atenção é: ‘Achava que você fosse mais alta’. As pessoas já chegam com muita intimidada. Me pegaram no colo no aeroporto outro dia. Não sei se foi porque sou pequena…”

Tata Werneck como Fedora || Créditos: TV Globo
Tata Werneck como Fedora || Créditos: TV Globo

Mais que Cinderela

“Na minha casa tem uma escada de pedra e sempre caio, então passei a deixar meus sapatos no carro. Outro dia fui, como sempre, para o carro descalça e quando cheguei pra trabalhar percebi que não tinha deixado nem um par lá daquela vez. Fui para o Projac descalça.

“Estou falando ‘M’?”

“Na época da MTV, ninguém tinha interesse na minha vida. Estou mais exposta, mas não penso nisso. Falo um monte de besteira. Minha assessora já está com um chicote elétrico ali. Respondo espontaneamente, não tenho esperteza pra responder certas coisas. Estou falando ‘M’?”

“Durmo quatro horas por dia”

“A comédia me deu muita coisa e é uma ferramenta que me faz feliz. Tenho vontade de fazer outros gêneros? No teatro, fiz Antígona, Medeia. Mas estou trabalhando com o que gosto”. Tata teve que recusar o convite para participar do remake da “Escolinha do Professor Raimundo” e respondeu se vai conseguir aceitar agora na segunda temporada do programa. “Preciso aprender a dar um espaço para as coisas. Colocando no papel, achei que dava para gravar ‘Tudo Pela Audiência’ [no Multishow] segunda e terça e a novela de quarta a sábado, mas na prática vi que é muito difícil. Durmo quatro horas por dia. Às 5h, 6h da manhã no máximo estou acordada. Domingo eu tenho que fazer uma campanha publicitária, às vezes tomar um banho… Não dá”.

Você também pode gostar