Seria o Big Brother Brasil 21 um remake da novela Chocolate com Pimenta? || Créditos: Reprodução Globo

Seria o Big Brother Brasil 21 um remake da novela Chocolate com Pimenta? Aos fatos!

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Seria o Big Brother Brasil 21 um remake da novela Chocolate com Pimenta? || Créditos: Reprodução Globo

(Por Morgana Bressiani) 

Uma das novelas mais queridas pelos brasileiros, “Chocolate com Pimenta” chegou ao GloboPlay em janeiro e já é a trama mais vista do streaming da rede Globo. Produzida em 2003, ela já foi exibida duas vezes no “Vale a Pena Ver de Novo”, sempre  sucesso de audiência. E claro que todo esse sucesso não poderia passar despercebido pela internet, que já está usando a história para comparar a divertida obra de Walcyr Carrasco, que conta com Mariana Ximenes, Murilo Benício, Elizabeth Savalla, Priscila Fantin e Drica Moraes nos papeis principais, com outro sucesso do momento: o BBB21.

Depois da vitória de Karol Conká na prova bate e volta do último domingo no BBB 21 que a tirou do paredão desta terça-feira, internautas apontaram a semelhança da cena em que Juliette leva um balde de água na cabeça enquanto Karol comemora e ri, ao capítulo no qual Ana Francisca, protagonista da novela, acaba com uma gosma verde na cabeça a mando da vilã Olga, que também comemora alegremente a tristeza da outra. Mas as semelhanças não param por aí: o reality cheio de “vilões” e “mocinhos” parece mais um remake da comédia ambientada nos anos 1920 e Glamurama pode provar. Aos fatos!

Juliette é Ana Francisca (Mariana Xavier)

Apaixonadíssima por Danilo (Murilo Benício), a personagem da novela parecia ser um pouco sonsa e ingênua no começo, mas a gente torceu para ela dar a volta por cima e se vingar de quem riu dela. Juliette ainda está na primeira fase, mas temos a certeza de que ela terá o mesmo final de Ana Francisca: feliz.

Karol Conká é Olga (Priscila Fantin)

Em “Chocolate com Pimenta, Olga botou na cabeça que um homem que não a queria era dela e que devia armar tramoias para conquistar ele. Fez um inferno da vida de Ana Francisca (Mariana Ximenez) e do soldado Peixoto (Ângelo Paes Leme). Seria Karol uma fã de Olga? Com certeza.

Fiuk é Danilo (Murilo Benício)

O menino branco privilegiado – que todo mundo jurava que era diferente dos outros – e deixava todas as mulheres suspirando a sua volta, mas na verdade era meio bobão e nunca percebia as tramoias que aconteciam ao seu redor. Sempre com cara de confuso e sofredor.

Projota é Terêncio, o delegado (Ernani Moraes)

Jogou a carreira no lixo pra seguir os caprichos de Olga (Priscila Fantin), sempre menosprezando o soldado Peixoto (Ângelo Paes Leme) que só queria provar seu valor. Todo mundo esperava que ele tivesse pulso firme com a Olga, mas acabou decepcionando.

Nego Di é Vivaldo, o prefeito (Fúlvio Stefanini)

Não parecia bom na sua profissão e tratava as mulheres como lixo. Eita!

Lumena é Jezebel (Elizabeth Savalla) 

Achava que era parte do núcleo principal e fingia ter um discurso do bem, mas só queria tramar contra Ana Francisca (Mariana Ximenez) e seus aliados.

Sarah é Márcia (Drica Moraes) 

No fundo, sua carreira era maior e mais digna do que metade do núcleo principal. Sabia de todas as fofocas da cidade. Algo parecido com o poder de “invisibilidade” de Sarah do BBB21.

Lucas é Soldado Peixoto (Ângelo Paes Leme)

Fazia de tudo para ser aceito por Olga (Priscila Fantin) e pelo delegado (Ernani Moraes) e até cometeu uns deslizes ao decorrer da trama para provar seu valor, mas no fim a gente sabia que ele era uma ótima pessoa e torceu para ele se dar bem no final.

Gilberto é Margot  (Rosamaria Murtinho) 

Percebeu a tramoia do núcleo mau logo no começo, se aliou com Ana Francisca (Mariana Xavier) pra derrubar a turminha ruim. Todo mundo gostava dela desde o primeiro capítulo.

João é Guilherme (Rodrigo Faro)

Bonzinho e justo quase sempre, mas era enganado e manipulado com frequência.

Camila é Cássia (Luíza Curvo)

Apesar de estar ligada ao núcleo mau, era boazinha e inteligente na maior parte da história. A gente torcia para acordar e não ser igual a Olga (Priscila Fantin).

Carla Diaz  é Celina (Samara Felippo) 

Fofinha e querida desde pequena, todo mundo gostava, mas acabou presa a um homem que não queria.

Pocah é Yvete (Andréa Avancini)

Podia ter passado despercebida na história, mas toda vez que abria boca, decepcionava.

Caio é Timóteo (Marcello Novaes)

Caipira que ganhou o coração de todo mundo pelo sotaque, mas no fundo a gente sabia que era fruto de uma boa atuação.

Rodolfo é Dália (Carla Daniel)

Era menos caipira que Timóteo (Marcello Novaes), mas só tinha graça quando estava junto dele.

Viih Tube é Epaminondas (Ary França)

Não era mau, mas sempre seguia as ideias de Jezebel (Elizabeth Savalla) contra Ana Francisca (Mariana Ximenez). Não gostava de animais.

Thais é Graça  (Nívea Stelmann)

Ninguém nunca ligou para ela na trama, passou a história toda querendo beijar um menino branco sem graça.

Bill é Mauricio (Victor Pecoraro)

Bonitinho, mas confuso… Ninguém sabia se era bom ou mau, mas acabou sendo usado pelo núcleo mau.

Arthur é Bernadette (Kayky Brito)

Bernadette era um menino que foi criado como menina na novela, mas na trama ele se apaixona por Cássia (Luíza Curvo) e por causa disso descobre seu gênero masculino. No BBB21, Arthur era o típico ‘padrão hétero’, mas parecia que ele tinha mudado completamente por causa de seu interesse em Cassia, ou melhor, Carla Diaz…parecia.

Kerline é Ludovico (Ary Fontoura)

Morreu no começo.

Você também pode gostar