Publicidade

Como era de se esperar, a reunião de Madonna com José Serra movimentou o Palácio do Governo. Mais de 250 pessoas pararam o trabalho para ver a rainha do Pop. Ela, como sempre, chegou bem discreta, vestida com um tradicional terno branco e escoltada pelo segurança israelense, além do empresário Guy Oseary, que ficou ao lado de Madge o tempo todo.

* O encontro a portas fechadas durou cerca de 50 minutos. Na sala, alguns assessores, além do governador, a mulher dele, Monica Serra, e o Secretário da Educação Paulo Renato. Mas o que afinal a cantora veio fazer em São Paulo? Glamurama conta. Ela pretende implantar por aqui um programa de aulas semanais para desenvolver a autoestima de crianças de 10 a 12 anos.

* Segundo Serra, o governo não teria nenhum custo, já que os monitores seriam treinados pela ONG Success for Kids. Uma outra reunião já foi marcada e o projeto será desenvolvido ao longo do ano. Sobre suas impressões, o governador falou que Madonna é uma pessoa agradável: “Ela tem muita curiosidade sobre o Carnaval. Até a convidei para assistir aos desfiles das escolas de samba paulistas, mas sexta-feira é um dia sagrado para ela, por conta da Cabala. Quem sabe no sábado?”

* Sobre os tantos funcionários que pararam por mais de duas horas só para ver a diva, Serra explicou: “Não tem tanto problema, afinal não é todo o dia que a Madonna visita o lugar de trabalho deles.”

Madonna: parando o palácio do governo

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Instagram

Twitter