Nascida no sertão da Bahia, a estilista Adriana Meira se inspira em sua ancestralidade para criar peças atemporais e sustentáveis

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Nascida em Brumado, sertão da Bahia, a estilista Adriana Meira cria verdadeiras obras de arte. Apesar de morar em São Paulo há uma década, ela está desde o começo da pandemia na Fazenda Mandacaru, em sua cidade natal. Adriana se inspira em sua ancestralidade, no sertão, na música, nos orixás, nos santos e guias para desenvolver peças artesanais que contam a história de suas clientes por meio da técnica de aplicação e bordado. “São peças atemporais e sustentáveis. É amor próprio se vestir de sua própria história, honrar o que você tem de mais bonito”, diz. Atualmente, está desenvolvendo telas com mulheres imaginárias que vivem no universo da caatinga, para uma futura exposição. @ADRIANAMEIRAATELIER

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…