Flanando em Londres || Créditos: Joyce Pascowitch/Arquivo Pessoal

Na revista J.P, as delícias de flanar por Londres numa primavera cheia de luzes

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Flanando em Londres || Créditos: Joyce Pascowitch/Arquivo Pessoal
Flanando em Londres || Créditos: Joyce Pascowitch/Arquivo Pessoal

Por Joyce Pascowitch pra a revista J.P

A experiência de ir a Londres começa já no balcão da British Airways: o atendimento cordial e atencioso nos remete no ato à tradicional etiqueta inglesa. E os clichês – que nem por isso deixam de ser deliciosos – continuam no desembarque, um atrás do outro, desde o taxista com seu “black cab” que não precisa checar endereços porque conhece o mapa da cidade de cor até o lobby do hotel Mandarin Oriental, com elegantes senhoras tomando chá às 5 da tarde. Mas a negação do óbvio que Londres proporciona pode ser ainda mais gostosa: o bom tempo da primavera – ah!, o passeio no Hyde Park com sol… – e os restaurantes (sim, apesar da má fama que um dia ostentou, a cidade hoje é o lugar em que melhor se come no mundo) – como The River Café e La Petite Maison são alguns dos must. Seja na música de rua dos hipsters do East London, seja nos habitués que jantam no lendário Mr. Chow, Londres tem uma vivacidade que já não se vê facilmente na Europa. Teatros, museus, lojas são um universo à parte. E com o plus democrático, bem inglês: ninguém é ninguém e todo mundo é todo mundo.

Experiência British Airways

As cabines do Club World, da British Airways || Créditos: Divulgação
As cabines do Club World, da British Airways || Créditos: Divulgação

Viajar no Club World, como é conhecida a classe executiva da British Airways, é uma experiência única – ainda mais no upper deck, o segundo andar do Boeing 747, ali do lado do piloto. O serviço é inglês no que há de melhor, solícito e agradável, e a comida, desde o cardápio à seleção de vinhos – franceses, italiano, chilenos e afins, incríveis, por sinal – para harmonizar com os pratos fazem parecer que estamos em um grande restaurante londrino. A poltrona não só se transforma numa confortável cama, como é possível fechar a janela para ter maior privacidade quando não estamos para social. É um layout de poltronas difícil de ser encontrado, e que faz a experiência de viajar ainda mais exclusiva. A World Traveller Plus, a econômica premium, também é uma boa opção para economizar sem perder o conforto: poltronas mais reclináveis, nécessaire, tomadas individuais e acesso ao menu da Club World estão entre as regalias para seus viajantes. Sobre o menu, aliás, vale ressaltar que é possível reservar sua refeição na rota São Paulo-Londres pelo site da empresa.

Você também pode gostar