Mateus Solano comenta beijo gay e mea culpa para a sociedade. Vem!

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
cena do beijo gay que fez história na TV brasileira

Mateus Solano se despediu do Felix assistindo ao último capítulo de “Amor à Vida” nessa sexta-feira com o resto do elenco em uma churrascaria em Botafogo, no Rio. “O personagem mostrou a normalidade do homossexual, o quanto ele pode ser querido e ainda obrigou a sociedade a fazer um mea culpa. A cena em que o Felix é desmascarado, que descobrem que ele é gay, na verdade o resto da família é que foi desmascarado.  Perceberam: ih, vamos ter que falar sobre isso…”

O ator não fazia ideia dos tabus que ia vencer quando aceitou o papel. “Só sabia que era um homem no armário. O desafio foi pensar como um homem no armário poderia falar aquelas coisas. Foi muito intenso. O tanto que as pessoas se divertiram com ele… Senti todo esse carinho. O final foi lindo e vale muito à pena”, adiantou Mateus, antes do primeiro beijo gay na Globo ser exibido, entre o personagem dele e Niko [Thiago Fragoso].

Depois do capítulo, ele completou. “Fiz história? Não sei. É tudo tão efêmero. Mas é uma cena que, se Deus quiser, vai reverberar na sociedade. É um pequeno passo para a teledramaturgia, mas um grande passo para a sociedade.”

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…