a

Maria Bethânia e Chico Buarque juntos em festa da Mangueira

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

 

a
Maria Bethânia e Chico Buarque no show de Verão da Mangueira || Crédito: AgNews

Toda de branco, como uma verdadeira menina de Oyá, Maria Bethânia subiu ao palco do Vivo Rio, no show de Verão da Mangueira, no Rio, na noite dessa terça-feira. Nele, já estava Chico, também de branco, lindo e um pouco tímido, cantando “Olhos nos Olhos”. A cantora, que é tema do enredo da escola neste Carnaval, roubou a cena e levou a plateia ao delírio ao seguir a música de Chico.

Ao final do dueto, Bethânia fez jus à fama de exigente e reclamou do som, dizendo não ter “violão nem harmonia”. Ao começar a próxima música, “Noite dos Mascarados”, ela continuou: “Eu não ouço o Chico. Não vou cantar sem ouvir ele nem morta. Vamos fazer de novo, maestro?”, exigiu, arrancando risos da plateia.

Depois de Chico deixar o palco, Bethânia cantou “Carcará”, “Vento de Lá”, “Reconvexo” e “O que é, o que é?”- acompanhada já pela bateria da Mangueira. Uma grande festa!

*

Mas não foi de Chico nem Bethânia a voz mais ovacionada da noite. A portuguesa Carminho comoveu a plateia com todo o seu fado e dramaticidade ao cantar “Anda Luzia” e “Teresinha”, e foi aplaudida de pé, por longos minutos. Ela ainda cantou “Sangrando”, ao lado de Alcione.

*

“Maria Bethânia: A Menina dos Olhos de Oyá” é o título do Carnaval da Mangueira deste ano. Participaram ainda da festa Mart’nália, Pretinho da Serrinha, Ângela Rô Rô, Rosemary, Sombrinha, Tantinho e Mariene de Castro.

*

A última vez que Chico e Bethânia subiram juntos ao palco foi no show de 35 anos de carreira da cantora, em 2001, no Canecão, quando interpretaram juntos “Sem Fantasia” e “A Moça do Sonho”. Na galeria, cliques da noite. (Por Denise Meira do Amaral)

Você também pode gostar