Marc Anthony || Créditos: Getty Images

Marc Anthony é processado em quase R$ 2 mi por ex-empregada que o acusa de maus tratos

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Marc Anthony || Créditos: Getty Images

Marc Anthony, ex de Jennifer Lopez, está sendo processado por uma faxineira que trabalhou durante anos na mansão de Long Island, no estado de Nova York, onde o cantor morou com J-Lo quando era casado com ela. Mas não se trata de mais um caso de assédio sexual envolvendo um famoso, já que as queixas da mulher que assina Concetta Graziosi tem mais a ver com maus tratos e desavenças entre empregada e patrão.

A um juiz de uma corte federal do Brooklyn, onde a ação corre, Graziosi disse que chegava a trabalhar 80 horas por semana na casa do astro latino, sem jamais receber sequer um centavo de hora extra por tamanho esforço ou tirar folgas. O salário da profissional, consta nos papeis oficiais, erá de US$ 4 mil (R$ 15,6 mil) mensais, só que ao que parece Anthony “esquecia” de pagá-la de vez em quando.

No fim das contas, Graziosi – que limpava a propriedade de quase mil metros quadrados de área privativa sozinha – afirmou às autoridades que não chegou a ganhar um salário mínimo dos Estados Unidos por mês durante o período em que deu expediente chez Anthony, e extras como férias pagas eram coisa de outro mundo no job. Agora ela pede na justiça US$ 500 mil (R$ 1,95 milhão) em danos morais e indenizações trabalhistas.

Lopez e Anthony se divorciaram em 2014, depois de dez anos juntos. No ano passado, o intérprete de “Vivir Mi Vida” vendeu o pied-à-terre de Long Island por US$ 4,5 milhões (R$ 17,5 milhões). Ele ainda não se manifestou sobre o processo aberto pela ex-funcionária em que é réu, e o mais provável é que os advogados dele tentem costurar um acordo fora dos tribunais a fim de resolver a pendenga sem chamar muita atenção. (Por Anderson Antunes)

A mansão de Long Island onde o cantor morou com J-Lo || Créditos: Reprodução
Você também pode gostar