Leyna Bloom na capa da "Sports Illustrated Swimsuit Issue" de 2021
Leyna Bloom na capa da “Sports Illustrated Swimsuit Issue” de 2021 || Créditos: Reprodução

Leyna Bloom faz história como a primeira modelo trans negra a estampar a capa da ‘Sports Illustrated’

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Leyna Bloom na capa da "Sports Illustrated Swimsuit Issue" de 2021
Leyna Bloom na capa da “Sports Illustrated Swimsuit Issue” de 2021 || Créditos: Reprodução

Depois de se tornar, em meados de março, a primeira modelo transgênero negra a aparecer nas páginas da revista americana “Sports Illustrated”, Leyna Bloom foi escolhida para estampar uma das capas da lendária edição especial de biquínis da publicação, que acaba de chegar às bancas dos Estados Unidos. Fã declarada de Tyra Banks, que em 1997 fez história como a primeira modelo negra a estampar a capa da SI, Bloom divide os créditos da “Swimsuit Issue” de 2021 ao lado de poderosas como Naomi Osaka e Megan The Stallion.

“Quando me falaram que eu consegui uma das capas [da SI], a primeira pessoa pra quem liguei foi meu pai”, Bloom, de 27 anos, disse em entrevista ao “New York Post”. “Saber que eu conquistei algo tão grande me faz crer que isso é o futuro, e foi algo que me deixou muito feliz”, completou a bela.

Bff de Banks, de quem recebeu um dos primeiros “parabéns” pelo feito, Bloom também tem um pé em Hollywood e em 2019 até estrelou o drama franco-americano “Port Authority”, produzido pelo brasileiro Rodrigo Teixeira. O filme foi lançado no festival de cinema de Cannes daquele ano e conquistou a crítica especializada. (Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar