Karol Conka no desfile de Reinaldo Lourenço
Karol Conka no desfile de Reinaldo Lourenço || Créditos: André Ligeiro

Karol Conka fala sobre cabelo e a gente emenda com galeria black power

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Karol Conka no desfile de Reinaldo Lourenço || Créditos: André Ligeiro
Karol Conka no desfile de Reinaldo Lourenço || Créditos: André Ligeiro

“Nosso cabelo tá na moda!”, disse Karol Conka em um bate-papo com Glamurama na saída do desfile de Reinaldo Lourenço nessa quarta-feira no Teatro Faap, em São Paulo. E não é que está mesmo? Mais do que moda, os tempos são de auto-afirmação e empoderamento, seja feminino, afro, das causas LGBT… “É uma libertação de padrões que foram impostos na época em que a gente era jovem e a gente sofria com isso, essa questão não ter o cabelo bonito. Mas o nosso cabelo é bonito sim, da maneira que é! A gente só tem que aprender a mexer e a cuidar dele, e lógico que não é usando um pente fino e um shampoo para cabelo liso que a gente vai conseguir isso. Mas era só o que se via nas prateleiras antigamente”, disse a cantora.

Como ela contribui pra isso? Sendo quem é, claro! “Hoje tem artistas se assumindo, o que faz com que as outras meninas se assumam e as marcas – que têm interesse financeiro, lógico – acabam fazendo mais produtos para esse tipo de cabelo. E esse cabelo é fantástico, dá para fazer várias coisas”, completou.

Pelos corredores da semana de moda paulistana, percebemos que, cada vez mais, as mulheres – e os homens – estão se libertando e valorizando o que há de melhor em cada um. Glamurama, que é mais do que a favor desse movimento, registrou as cabeleiras mais estilosas dos corredores da Bienal. Inspire-se!

(Por Bárbara Tavares)

Você também pode gostar