Grupo francês LVMH compra 80% da Rimowa por R$ 2,3 bilhões

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
nota-01
Alessandra Ambrosio em campanha da Rimowa || Créditos: Divulgação

O grupo LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton acaba de anunciar a compra de 80% da Rimowa, marca de malas de luxo, assumindo participação majoritária na marca. A negociação vem acontecendo nos últimos dois anos e movimentou 640 milhões de euros (R$ 2,3 bilhões) – valor pago pelo conglomerado de luxo francês pela marca alemã.

Dieter Morszeck, neto do fundador da Rimowa e que passa a deter 20% da marca, continuará a ter participação nas ações da empresa, assim como terá mantido seu cargo de liderança. Após a conclusão das transações, prevista para janeiro de 2017, Alexandre Arnault, herdeiro de Bernard Arnault, dono do grupo, será apontado como copresidente executivo da marca.

Fundada em Cologne em 1898 por Paul Morszeck, a Rimowa é a primeira companhia alemã a fazer parte do conglomerado de luxo, que também controla as marcas Céline, Bulgari, Fendi, Dior, Givenchy, entre muitas outras. Neste ano, a receita da Rimowa deve exceder o valor de 400 milhões de euros (R$ 1,4 bilhão).

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…