Publicidade
Gilda Midani
Gilda Midani || Créditos: Juliana Rezende
Gilda Midani
Gilda Midani || Créditos: Juliana Rezende

Gilda Midani, que já veste mulheres sofisticada, modernas e despretensiosas, lançou sua primeira coleção masculina neste mês de abril e Glamurama, claro, aproveitou para conversar com a estilista-referência em sua loja no Jardim Botânico. (por Michelle Licory e Juliana Rezende)

Glamurama: Por que chegou a hora de se dedicar à moda masculina?
Gilda Midani:
“A minha sensação é que já estava quase passando da hora, na verdade. Esse meu desejo não é de hoje, não. É que pra fazer tudo é difícil… Mas temos uma identidade que pode ser aplicada para masculino, feminino, casa, barco, Apollo 11, o que quer que seja… Infantil a gente já fez. Decidimos lançar essa coleção agora porque foi uma urgência mesmo de fazer. E nossa estrutura agora permitiu, nos organizamos”.

Glamurama: Qual o diferencial da sua moda masculina?
Gilda Midani:
“Essa primeira coleção tem muito a nossa cara nos tecidos, nas texturas, nos tingimentos. E nas proporções. A gente arrisca e tem uma ousadia em proporções não convencionais. Não são roupas para o homem que quer se exibir, nem passar batido. É muito difícil o homem se vestir bem com o repertório que tem por aí. Ou é muito pavão ou dentro daquele caixotinho. Entramos nesse espacinho entre uma coisa e outra. Vamos ver se vai dar certo agora”.

Glamurama: João Vicente de Castro, seu filho, foi uma inspiração nesse trabalho?
Gilda Midani:
“Meu filho inspira todo o Brasil, como não ia me inspirar? Me inspira desde que nasceu. É uma referência boa hoje de um tipo de homem com estilo, que ele tem de sobra…” . Coruja, eu?

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Dia 10 de Abril

Dia 10 de Abril

Altas horas   Ver essa foto no Instagram   Uma publicação compartilhada por VIRAGE (@virage.paris) Não são as...

Instagram

Twitter