Isis Valverde
Isis Valverde || Créditos: Bruno Ryffer/ Divulgação

Isis Valverde: “A internet pode acabar com sua vida real”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Isis Valverde || Créditos: Bruno Ryffer/ Divulgação
Isis Valverde || Créditos: Bruno Ryffer/ Divulgação

Por Michelle Licory

Glamurama encontrou com Isis Valverde esta semana, no lançamento da Move, linha fitness na Animale, em um hotel boutique no Joá, no Rio. A gente aproveitou para bater um papo com a moça. Primeiro, foi divulgado que ela faria “Haja Coração”, releitura de “Sassaricando”, próxima novela das sete da Globo. Depois, que ela teria saído do elenco para entrar em outro projeto mais pra frente, “Sonha Comigo”, na mesma faixa de horário, substituta de “Haja Coração” na grade. Ela já tinha até par romântico escalado: Chay Suede. “Mas mudaram os planos. De qualquer forma, volto para a TV antes do fim do ano. Só não posso falar ainda fazendo o que para não atropelar as coisas”.

* Enquanto isso, férias? Não. “Estou me preparando para dois filmes. Um é do Wilson Simonal, que vai ser interpretado por Fabricio Boliveira, e eu faço a mulher dele. Falei para o Fabrício: ‘Amigo, você tem que fazer um teste mais ou menos de vez em quando para dar chance para outros atores contracenarem comigo'”, brincou a atriz, que já foi par dele no cinema, em “Faroeste Caboclo”, e dividiu o set na TV em “Boogie Oogie” e no remake de “Sinhá Moça”.

* E o outro longa? “É o ‘Amor.com’, que fala sobre como a gente faz tudo pela internet hoje em dia, pelos aplicativos, redes sociais… E sobre como a internet pode acabar com sua vida real. Se eu acredito nisso? Totalmente. Alguns colegas acabam permitindo isso”. Voltando ao filme… “Na história, sou uma blogueira muito famosa, tipo a Chiara Ferragni, que eu sigo de verdade. Gosto de moda e de ver como uma produção que eu jamais acharia que funcionaria fica bacana com o olhar dessas meninas”.

* Conversa vai, conversa vem, descobrimos uma espécie de hobby e ao mesmo tempo instrumento de trabalho de Isis. “Sempre faço scrapbooks para minhas personagens. Monto as imagens como um escopo. Pesquiso como seria o pai, a mãe e até os avós dela, como teria sido a infância. Vou criando. Mas é só pra ter uma linha de pensamento mesmo, pra mostrar pro diretor e pra quem estiver fazendo aula de corpo comigo. Fica mais fácil. Depois jogo tudo fora. E olha que já fiz coisas lindas”. Outro prazer da atriz são as aulas de yoga. “Comecei a praticar quando fui morar em Nova York, no meio do ano passado. Também tenho feito aulas de funcional e agora voltei para o balé contemporâneo”.

Um dos scrapbooks de Isis Valverde  || Créditos: Reprodução/ Instagram
Um dos scrapbooks de Isis Valverde || Créditos: Reprodução/ Instagram

 

Você também pode gostar