FILES-US-ENTERTAINMENT-FILM-AVATAR-LANGUAGE
James Cameron: carta de 45 páginas em resposta à acusação de plágio

Ex-roteiristas de James Cameron o acusam de plagiar ideia de “Avatar”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
FILES-US-ENTERTAINMENT-FILM-AVATAR-LANGUAGE
James Cameron: carta de 45 páginas em resposta à acusação de plágio

Responsável pela maior bilheteria da história do cinema— o megasucesso “Avatar” — o diretor James Cameron já deve estar acostumado a ser acusado de plágio. Desde que o filme estreou, em 2009, várias pessoas vieram a público clamar autoria pela superprodução, mas nunca forneceram muitas provas disso.

Dois roteiristas e ex-colegas de Cameron, no entanto, estão causando dores de cabeça ao diretor. Eric Ryder e Gerald Morawski, ambos ex-funcionários da produtora do diretor, a Lightstorm, alegam ser os responsáveis pela ideia central de “Avatar”. A dupla já conseguiu na Justiça que ele forneça documentos privados sobre o filme, e também sobre o seu processo de criação.

Como resposta, Cameron escreveu uma carta de 45 páginas na qual descreve como teve a ideia de fazer o filme, algo que, segundo ele, começou a tomar forma ainda nos anos 1960. O caso continua em análise. Em jogo, parte dos US$ 2,8 bilhões arrecadados por “Avatar” ao redor do mundo.

Você também pode gostar