Eriberto Leão como Jim Morrison deixa certos globais “doidões” no Rio

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Eriberto Leão, Malvino Salvador, Sophie Charlotte e Reynaldo Gianecchini: rock and roll

Lembra que a gente adiantou que Eriberto Leão estava ensaiando um musical sobre Jim Morrison? Pois a estreia aconteceu nessa terça-feira, no Teatro Leblon, no Rio. E o ator parece estar quase incorporado: canta os maiores hits do The Doors acompanhado de uma banda, e a sinergia é impressionante.  O jogo de luzes – por Maneco Quinderé – também contribui para a atmosfera de show de rock. Do meio para o final do espetáculo, Eriberto tira a camisa e faz referência à foto icônica de Jim de braços abertos.

* Os ânimos ficaram à flor da pele ao término da encenação. “Estou muito feliz porque o Eriberto é um cara 100%. Tem horas que me confundi se estava assistindo a Jim ou ele. Foi inebriante”, disse Reynaldo Gianecchini. Malvino Salvador e Sophie Charlotte também foram efusivos na hora de cumprimentar o anfitrião. “Que puta show! Você está cantando pra caramba! Por que ficou tanto tempo sem mostrar isso?”, perguntou Malvino, o abraçando com força. “Nossa, sou muito sua fã. Você estava lindo. Foi emociante, até chorei”, completou Sophie.

** Paula Burlamaqui estava tão “no clima” que tascou um selinho em Eriberto e quase que, no embalo, Glamurama também é carimbado. Ao avistar Alexandre Nero, Eriberto gritou: “Quero te dar um beijo na boca!” Ele? Passou… “Se controla ou dou na sua cara”, respondeu, brincando. Leiloca, ex-Frenética que virou astróloga, atestou: “Jim esteve aqui.” Eriberto? “Eu senti a energia. Foi quase um terreiro.”

Você também pode gostar