Cleo contracena pela primeira vez no cinema com o pai, Fábio Jr, e com o irmão Fiuk: “Foi tudo muito difícil”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Em seu primeiro longa como produtora, Cleo atua com o irmão Fiuk e o pai Fábio Júnior || Créditos: Divulgação

Família que trabalha unida, permanece unida. E Cleo acredita nessa máxima. Terminaram nesse fim de semana as filmagens da comédia ​”Me Tira da Mira”. Protagonizado e produzido por Cleo, o longa marca sua primeira vez contracenando ao lado da família: Fiuk e Fábio Júnior estão no elenco, que também conta com Vera Fischer, Gkay, Mel Maia e Sérgio Guizé. Com direção de Hsu Chien, o filme está previsto para chegar aos cinemas no segundo semestre de 2021.

“Estava com muita saudade de estar num set e esse projeto tem um gosto ainda mais especial. Além de estar atuando, que é algo que amo fazer, eu também estou produzindo o meu primeiro longa. Em meio a uma pandemia, foi tudo muito difícil, mas seguimos todos os protocolos de segurança necessários. Fizemos uma força-tarefa e todo mundo que estava aqui precisava estar 100% envolvido para dar certo, e deu. Fiquei apaixonada pelo Hsu, esse filme não seria a mesma coisa sem ele”, diz Cleo.

No longa, Roberta (Cleo) é uma funcionária da Polícia Civil do Rio de Janeiro, que se infiltra como agente secreta na Clínica Bianchini de Realinhamento Energético para investigar a misteriosa morte da atriz Antuérpia Fox (Vera Fischer). Durante a investigação, precisará lidar com os dramas da atriz Natasha Ferrero (Júlia Rabello), que acabou de ser “cancelada” na internet, e com o reencontro de seu grande amor do passado, o policial federal Rodrigo (Sérgio Guizé), que está investigando uma suspeita de tráfico internacional envolvendo a mesma clínica. Aguarde!

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…