Dois artistas brasileiros ganham suas primeiras individuais em Nova York

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Maio é realmente o mês da arte brasileira em Nova York. Dois grandes artistas nacionais, representados por aqui pela Luciana Brito Galeria, ganham suas primeiras individuais na cidade, que também abriga uma megamostra de Lygia Clark no MoMA, além de exposições de Janaina Tschäpe e Vik Muniz, entre outros. São eles o contemporâneo Caio Reisewitz e o mestre do construtivismo Geraldo de Barros ( 1923-1998).

Caio Reisewitz está no International Center of Photography a partir desta sexta até o dia 7 de setembro. Com curadoria de Christopher Phillips, a exposição é uma síntese de sua última década de produção, que tem a fotografia como principal plataforma. E Geraldo de Barros e suas diferentes fases são o assunto na Tierney Gardarin Gallery, desde as telas construtivistas, até as experimentações com fotografia. A exposição termina no dia 21 de junho. Siga a seta e confira algumas as obras dos dois artistas que estão à mostra em Nova York.

 

 

Você também pode gostar