O DJ Diplo em ação
O DJ Diplo em ação || Créditos: Reprodução

Diplo é acusado de forçar mulher a praticar sexo oral e de filmar o ato sem o consentimento dela

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
O DJ Diplo em ação
O DJ Diplo em ação || Créditos: Reprodução

Um dos DJs mais bem pagos do mundo, com renda anual na casa dos US$ 28 milhões (R$ 147,9 milhões), o americano Diplo está sendo acusado nos Estados Unidos de obrigar uma mulher a praticar sexo oral nele e de gravar o ato sem o consentimento dela. O suposto crime sexual data de 2019, quando ele fazia turnê por Las Vegas.

Já a identidade da vítima não foi revelada até agora, mas de acordo com o “TMZ.com” – que obteve os documentos da ação – ela teria conhecido Diplo em uma festa que rolou por lá depois de um show dele, e teria recebido álcool e drogas do músico, que em seguida a convidou para ir ao seu quarto em um hotel.

Outras pessoas teriam testemunhado a cena. “Esta queixa é completamente falsa e ultrajante, mas ainda assim totalmente previsível”, disse Brian Freedman, advogado de Diplo, em nota. “Temos como provar que tudo não passa de uma invenção”, completou o profissional. (Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…