Dica Suzuki Grand Vitara: mergulho inesquecível na Laje de Santos

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

Laje de Santos, uma ilha localizada a cerca de uma hora de Santos, no litoral de São Paulo, é um dos principais pontos de mergulho do país. Suas condições especiais de visibilidade e profundidade facilitam o mergulho de quem quer observar de perto animais como raias, tartarugas e polvos.

Durante o mês de outubro, Glamurama e Suzuki conversaram com a mergulhadora Karol Meyer -um dos maiores nomes brasileiros quando o assunto é mergulho livre- para saber as curiosidades de alguns paraísos como esse para a prática do esporte. Confira!

Quantas vezes você já mergulhou na Laje de Santos? “Diversas vezes. A Laje fica situada dentro de um Parque Marinho. Desde a sua criação, em 27 de setembro de 1993, o ambiente está sob proteção legal. Como alguns visitantes infelizmente não respeitam tal proteção, foi criado um importante instituto: o Laje Viva. Em parceria com escolas de mergulho e operadoras, o Laje Viva ajuda a fazer valer a lei, contribuindo na fiscalização da área e deixando tudo mais rico”

Quais as maiores atrações do mar da ilha? Quais são os pontos imperdíveis? “É possível mergulhar entre arraias mantas,  peixes lua, cardumes de diversos peixes de passagem (olhetes e xaréus, por exemplo) e também encontrar uma enorme diversidade de peixes de costão. Um verdadeiro santuário para aves marinhas, que usam a área para reprodução e descanso. Além disso, por ser calma, a região acaba servindo de abrigo para diversas espécies ameaçadas de extinção, como as belas garoupas verdadeiras, os meros, tartarugas e até mesmo baleias”

Existe algum cuidado especial para quem vai mergulhar por lá? “A viagem é mais longa, então é importante ter uma operadora com embarcação adequada para a viagem, permitindo conforto e segurança. E, claro, sempre ter um instrutor de mergulho que conheça o local, para cada visitante aproveitar ainda mais”

Alguma lembrança especial do destino? Alguma curiosidade? “Sim, já encontrei um cardume de “peixes frade gigantes”, nunca vi um desses tão grande. Em outra ocasião, vi peixes lua na superfície. Outro ponto interessante é o Moreia, um naufrágio afundado para servir de recife artificial e ponto de mergulho para os praticantes”

Você acha que a região é boa para quem quer começar a mergulhar?  “É uma região viável para qualquer nível de mergulhador. Os iniciantes podem aproveitar as regiões de Portinho e Piscinas, com profundidade moderada e variando de forma progressiva, podendo optar por um mergulho raso e cheio de vida. A Scafo SP realiza, inclusive, mergulho adaptado na Laje de Santos. Outros pontos exigem nível avançado, seja pela profundidade, pelas correntes ou refluxos. Geralmente a água é muito fria no fundo, então uma roupa adaptada, como a Mormaii de 5mm, é uma precaução necessária”

*Ficou interessado? Veja mais informações sobre os cursos de Karol Meyer em Laje de Santos clicando aqui.

* Aproveite para conhecer o novo Grand Vitara 2014. Acesse o site www.suzukiveiculos.com.br e fique por dentro das novidades Suzuki, curta a página no Facebook (facebook.com/suzukibr) e siga no Instagram (@suzukibr) e Twitter (@suzukiveiculos).

Você também pode gostar