Britney e James Spears || Créditos: Reprodução

Depois de abrir mão da tutela oficial de Britney, pai da cantora exige pagamento de R$ 10,3 milhões

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Britney e James Spears || Créditos: Reprodução

A briga judicial entre Britney Spears e Jamie Spears parecia ter chegado ao fim quando o pai da cantora anunciou que abriria mão da tutela oficial que exerce sobre ela desde 2008, o que fez na semana passada meses depois de proclamar tê-la salvo de estar “quebrada”. Mas, pelo jeito, o “divórcio” dos dois será litigioso…

Glamurama explica: é que em carta enviada para os advogados da herdeira mais famosa ainda na semana passada, Jamie sugere que somente a deixará cuidando de sua fortuna livremente caso receba da intérprete de “Toxic” um cheque de US$ 2 milhões (R$ 10,3 milhões).

Tal soma é uma espécie de salário que ele afirma nos autos merecer pelos 13 anos que atuou como tutor de Spears. Mas para o time legal da popstar que cogita se aposentar, Jamie não tem direito a nada, e inclusive poderá ser investigado mais pra frente por má gestão.

É que quando o patriarca dos Spears assumiu o controle dos milhões da princesinha do pop, a imprensa estimava o patrimônio pessoal dela em pelo menos US$ 130 milhões (R$ 670,8 milhões), bem acima dos US$ 60 milhões (R$ 309,6 milhões) que a justiça americana acabou revelando que ela tem. (Por Anderson Antunes)

Você também pode gostar