O cantor inglês Sting || Créditos: Getty Images

Defensor da Amazônia, Sting recebe diploma honorário de prestigiada universidade dos EUA

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
O cantor inglês Sting || Créditos: Getty Images

Sting, que viveu um caso de amor com a Amazônia entre o fim dos anos 1980 e o começo dos anos 1990, recebeu um diploma honoris causa da Brown University neste domingo pelos serviços sociais que prestou ao longo dos anos através da Rainforest Fund, uma ONG que cofundou em 1987 com a mulher, Trudie Styler, com o objetivo de atuar na defesa e na preservação de comunidades nativas em florestas da América Latina, da África e do Sudeste Asiático. O casal já investiu dezenas de milhões de dólares na causa.

O cantor inglês foi um dos homenageados pela presitigiada universidade dos Estados Unidos junto com várias outras personalidades, incluindo o físico britânico J. Michael Kosterlitz, vencedor do Nobel de Física em 2016. Ex-líder do The Police, o intérprete de “Every Breath You Take” agradeceu a honraria da maneira que melhor sabe: além de um discurso emocionado, fez ainda um “pocket show” ao lado do coral da Primeira Igreja Batista do país.

A Brown University é uma das integrantes da Ivy League, uma espécie de “primeira liga” formada por oito universidades privadas dos EUA reconhecidas pela excelência da qual também fazem parte as famosas Harvard e Yale. Nessa época do ano estas instituições geralmente distribuem títulos para pessoas que se destacam fora da comunidade acadêmica, tanto que há algumas semanas a centenária Hunter College anunciou que vai transformar Vin Diesel em doutor em letras humanas. (Por Anderson Antunes)

 

Você também pode gostar