Publicidade

Juliano Cazarré abriu mão das sutilezas ao comentar sobre a cena de sexo que protagoniza com Sophie Charlotte no banheiro de um prostíbulo em “Serra Pelada”. Perguntamos como ele, mais experiente no cinema, conduziu a situação com a atriz, que, aos 24 anos e em seu primeiro filme, se entregou dessa forma a um personagem -as cenas são fortes.

A resposta? “Ela me dizia: ‘Estou sentindo isso. É normal?’ Fizemos sem joguinhos. Olho no olho. Vai ser mais gostoso de assistir do que de fazer. Na hora, a gente fica nervoso. Mas ensaiamos bastante. A verdade é que não ensinei nada porque ela é muito melhor atriz do que eu sou ator. A beleza e a caretice estão nos olhos de quem vê. O brasileiro se acha moderno, mas é careta.”

* Com a palavra, Sophie: “Pensei que não ia ficar ansiosa com a estreia, mas o nervosismo bateu como um tijolo em mim ontem. Sobre essa cena, claro que senti medo, mas minha coragem é maior que o medo.” Ela aproveitou para negar os rumores de que estaria deprimida após o término do relacionamento com Malvino Salvador. “Estou muito feliz. As pessoas inventam…”

E sabe quem foi o único colega de elenco da moça na novela “Sangue Bom” que conseguiu prestigiar a première do longa, essa quarta-feira no Cinépolis Lagoon, na zona sul carioca? Marco Pigossi, com quem ela foi clicada no estacionamento do Rock in Rio… Os dois negaram um envolvimento. “Foi o ângulo da foto”, nos disse Marco.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Milan Guide

Milan Guide

Estou prestes a embarcar para o Salone Del Mobile.Milano, um marco na indústria do design que celebra sua...
Festa Rabanne na NK

Festa Rabanne na NK

  Uma noite em clima disco para celebrar a abertura da Rabanne em sua primeira operação na América...

Instagram

Twitter