Publicidade

Esta é para os maridos que vivem ouvindo reclamações sobre certa "ausência de senso de direção" na hora de encontrar o ponto G da esposa. Um grupo de pesquisadores do King’s College, de Londres, publicou um artigo intitulado "The Journal of Sexual Medicine" que contém uma descoberta que com certeza vai gerar polêmica. Segundo eles, o ponto G feminino não passa de um mito criado por revistas e terapeutas sexuais.

* E sabe como eles chegaram a essa conclusão? Tudo começou quando 900 pares de gêmeas, idênticas e não idênticas, foram examinadas, na esperança de que o ponto G das gêmeas idênticas estivesse localizado na mesma parte do corpo, o que poderia provar sua existência. Infelizmente, isso não aconteceu. E agora?

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Instagram

Twitter