Camila Pitanga || Créditos: Paulo Freitas

Camila Pitanga revela maior ambição: ter tempo para o namorado

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Camila Pitanga || Créditos: Paulo Freitas
Camila Pitanga || Créditos: Paulo Freitas

Por Michelle Licory

Glamurama já contou o que Camila Pitanga tem em comum com sua nova personagem, a Regina de “Babilônia”, em um papo sobre respeito ao próximo, sobre levantar a autoestima do povo brasileiro em tempos de escândalos de corrupção com bons exemplos e sobre as raízes familiares da atriz, que já morou em uma favela e se inspira na força da avó, que criou três filhos sozinha, trabalhando “em casa de família”. Mas não falta assunto com Camila. Um dos ganchos centrais da novela é… Ambição. Qual seria a da atriz? “Minha maior ambição hoje em dia é ter tempo. Tempo para me preparar para os trabalhos, tempo pra minha família, para o meu namorado [o ator Sergio Siviero, com quem começou a ser fotografada no fim do ano passado]…”

Uma fase meio hippie

Próximo tema: o visual de Regina“Clareei o cabelo [a personagem trabalha na praia]. Uso aplique na primeira fase da história. Depois, é tudo meu. Mas estou sentindo falta daquela cabeleira toda do início das gravações… Acho que estou em uma fase meio hippie. Estava amando. Pelo menos para esse personagem não preciso chegar supercedo no Projac. Lavo o cabelo em casa mesmo e passo um produtor pra deixar ele cachear mais. E estou pronta. Só preciso passar na maquiagem antes de ir para o set, e ela não usa quase nada no rosto, então é bem prático.”

Estourada, destemperada, exagerada

Outra questão: o quanto a mocinha é arredia para o amor“A morte do pai dela rasga uma ferida. Ela passa a não tolerar nenhuma injustiça e a ver algo nesse sentido até onde não tem. O pai foi assassinado, então ela fica na defensiva, inclusive com os homens. E também teve a grande frustração de descobrir que o pai da filha dela [Gabriel Braga Nunes] é casado. O Vinicius [Thiago Fragoso], aos poucos, vai amolecer a Regina, que é muito descompensada, estourada, destemperada. É da personalidade dela: peca pelo excesso. Exagera e vê desrespeito onde nem tem.”

* Em tempo: ao longo do desenrolar da trama, ela vai formar um triângulo [nada amoroso, que fique claro] com Inês [Adriana Esteves] e Beatriz [Gloria Pires]. “Beatriz é racional e fria, Inês, impulsiva, mas as duas são inescrupulosas. Elas têm uma espécie de simbiose: são amigas e rivais ao mesmo tempo. Inês é testa de ferro da Beatriz. A Regina vai demorar para entender que Beatriz também é sua inimiga.” Explicando: o pai de Regina era motorista e amante de Beatriz. Regina não sabe, mas Beatriz matou seu pai ao se ver envolvida em uma chantagem, liderada por Inês, que tem provas da pulada de cerca da “amiga”, que tem um noivo rico. Pra saber mais, tem que assistir à novela, que estreia dia 16…

Você também pode gostar