Marcelo D’Salete || Créditos: Reprodução

Brasileiro é indicado ao “Oscar dos quadrinhos” com história sobre a resistência negra

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Marcelo D’Salete || Créditos: Reprodução

Vai ter brasileiro concorrendo na próxima edição do Will Eisner Comic Industry Awards, premiação anual que surgiu em 1988, nos Estados Unidos, e é considerada como o “Oscar da indústria dos quadrinhos”. Marcelo D’Salete, natural de São Paulo, foi indicado na categoria de Melhor Versão Americana de Material Estrangeiro por “Run For It: Stories of Slaves Who Fought for the Freedom”, publicado no Brasil em 2014 como “Cumbe” e traduzido para o inglês por Andrea Rosenberg.

A obra trata da resistência negra contra a escravidão no Brasil colonial, e apesar de ter sido muito bem recebida pela crítica especializada e pelo público quando foi lançada por aqui, lá fora o reconhecimento está sendo bem maior, algo que o próprio D’Salete explica. “Este interesse, imagino, é porque o livro revela um Brasil colonial e de protagonismo negro que nem sempre é focado em narrativas publicadas no exterior”, o quadrinista disse ao Glamurama.

Batizado em homenagem ao cartunista americano Will Eisner, lenda dos quadrinhos e autor da série clássica “The Spirit”, o Eisner Award (como a honraria é mais conhecida) conta com o voto popular através do site eisnervote.com para as escolha dos vencedores, que serão anunciados em um gala marcado para 20 de julho durante o Comic-Con de San Diego, na Califórnia. D’Salete vai marcar presença, claro. (Por Anderson Antunes)

“Run For It: Stories of Slaves Who Fought for the Freedom”, lançado em 2014 no Brasil como “Cumbe” || Créditos: Reprodução
Você também pode gostar