Aventura Suzuki: Murilo Mattos e Mariana Haddad caíram na estrada rumo à Bahia

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

O fotógrafo Murilo Mattos e a publicitária Mariana Haddad são o tipo de casal que não curte rotina, não. Sempre que podem, eles sobem a bordo de seu Suzuki Jimny e saem pelas estradas brasileiras em busca de aventuras. “Já viajamos milhares de quilômetros. De São Paulo, fomos para o Rio de Janeiro, Niterói, Belo Horizonte, várias cidades no interior de São Paulo e para a Bahia, onde passamos por Itacaré, Ilhéus, Itabuna e Salvador”, conta Murilo.

Essa viagem para a Bahia foi a mais longa que o casal percorreu junto até hoje. E quantas histórias para contar! “Saímos de São Paulo no dia 24 de dezembro e percorremos pouco mais de 800 quilômetros no primeiro dia. Passamos nosso Natal em Governador Valadares, cidade de Minas, com uma pizza”, relembra Murilo. No dia 25, eles saíram de Governador Valadares e seguiram rumo a Itabuna, cidade da Bahia onde mora o pai de Murilo. Eles já esperavam passar por algumas dificuldades, mas estavam tranquilos por ter nas mãos um 4×4 potente como Jimny.

Porém, eles nunca poderiam imaginar o que viria pela frente. “Estávamos em uma estrada muito ruim e, depois de abastecermos o carro em uma cidadezinha na Bahia, um carro de passeio, tipo sedan, pediu para pararmos no meio da estrada. Encostamos ao lado dele, abrimos o vidro e nos deparamos com uma pessoa desesperada, quase chorando, implorando que o ajudássemos, pois ele estava sozinho, indo para Porto Seguro, e suspeitava que estava sendo seguido por um motoqueiro. Decidimos ajudá-lo e fomos juntos com ele. Mais à frente, encontramos o tal motoqueiro. Ele era realmente muito suspeito, andava muito devagar, e em um certo momento parou e fingiu que estava atendendo o celular. Quando ele parou, aceleramos e passamos por cima daquela buraqueira toda com a tração ligada! Não sei como o rapaz do outro carro conseguiu nos acompanhar, com certeza ele destruiu o carro”, relembra Murilo.

Mas Murilo e Mariana não se abalaram. Que venham outras a bordo do Jimny! “Depois que você conhece o carro e percebe como ele se comporta, consegue usar 100% do que ele tem a oferecer, tanto no asfalto quanto na terra. Por maior que fosse o perrengue, o Jimny nunca me deixaria na mão”, finaliza.

Para saber mais sobre a Suzuki, acesse o site www.suzukiveiculos.com.br, curta a página no Facebook.com/SuzukiBr, siga no Instagram (@suzukibr) e Twitter (@suzukiveiculos). E fique de olho aqui no Glamurama! A cada semana, vamos contar uma aventura diferente com o Jimny.

Você também pode gostar
Solidão Pandemia

Depois da tempestade

O restaurante que eu frequentava antes da pandemia reabriu. Esteve fechado por meses, e eu o tinha como…