Criança Esperança 2014
Criança Esperança 2014

Aos 85, Fernanda Montenegro revela: “No fundo sou uma menina”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

 

Criança Esperança 2014
Fernanda Montenegro completa 85 anos

Do subúrbio do Rio para o mundo. Fernanda Montenegro, a maior atriz brasileira da atualidade, completou nesta quinta-feira 85 anos, cheia de projetos e trabalhos futuros – mas com alma de criança! “Sempre tive uma menina bem lá no fundo. Os anos sobrepuseram centenas de faces, se não foram milhares, minhas e dos personagens. Mas, quando espremo, lá está a ‘menina’”, confessa. Nascida Arlette Pinheiro Esteves Torres, Fernanda é a única brasileira já indicada ao Oscar de Melhor Atriz, por “Central do Brasil”, de Walter Salles, além de levar o Emmy Internacional pela atuação em “Doce de Mãe”, em 2013. Para quem está com saudades dela nas novelas, a atriz vai integrar o elenco de  “Babilônia”, de Gilberto Braga, em 2015, no papel de uma homossexual que mantém um relacionamento com a personagem de Nathália Timberg. Sobre as eleições, ela dispara: “Falaram pouco do casamento homossexual, de saneamento, de cultura. Foi uma vazante”.  Confira!

Por Denise Meira do Amaral

Glamurama – Como foi sua infância? Quais são as principais lembranças que carrega?

Fernanda Montenegro – Nasci no subúrbio do Rio quando aquilo tudo era uma zona rural de casa com quintais grandes. Com árvores, hortas, animais domésticos, carrego comigo essa natureza tão ao alcance da mão.

Glamurama – Como é que a Arlette Pinheiro Esteves Torres se transformou em Fernanda Montenegro?

Fernanda Montenegro – Essa divisão é resultado da minha esquizofrenia que, graças a Deus, foi canalizada. Na Rádio Ministério da Educação e Cultura, Rádio MEC, escrevia como Fernanda Montenegro e fazia locução e rádio-teatro como Arlette.

Glamurama – Consegue escolher os trabalhos mais marcantes de sua carreira?

Fernanda Montenegro – Marcantes? Pra mim? Foram todos. Estão marcados na minha memória. Podem não ser marcantes para quem viu, mas para mim fazem parte de um mural imenso de anos e anos na batalha.

Glamurama – Aos 85 anos, o que pode dizer que aprendeu com a maturidade?

Fernanda Montenegro – A esperar.

Glamurama – Como era a Fernanda dos 20 e poucos anos? E a de hoje?

Fernanda Montenegro – Sempre tive uma “menina” bem lá no fundo. Os anos sobrepuseram centenas de faces, se não foram milhares, minhas e dos personagens. Mas, quando espremo, lá está a “menina.”

Glamurama – A senhora vai viver um par com Nathalia Timberg na próxima novela de Gilberto Braga, “Babilônia”. Acredita que será um papel desafiador?

Fernanda Montenegro – Todo papel é desafiador. Nada se move sem desafio.

Glamurama – O que acha dos candidatos à Presidência falarem tão pouco a respeito do casamento homossexual?

Fernanda Montenegro – Falaram pouco do casamento homossexual, de saneamento, 50% do Brasil vive no esgoto. E não falam de cultura. Então foi uma vazante, etc, etc, etc.

Glamurama – A sociedade brasileira ainda é muito conservadora?

Fernanda Montenegro – Já foi muito mais.

Glamurama – A senhora declara seu voto?

Fernanda Montenegro – Não!

Glamurama – Qual seu grande sonho?

Fernanda Montenegro – Acordar todo dia com disposição e dormir cansada de ir à luta.

Você também pode gostar