Antonia Frering, sob o crivo da filha e de Gloria Pires: “Dá um pânico… zinho”

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Tato Gabus Mendes, Gloria Pires, Orlando Morais, Antonia Frering, Mauro Mendonça e Rosamaria Murtinho, Maria Frering com Michelle Baptista e Antonia com o marido, Guilherme Frering: sucesso

Nesse fim de semana, Antonia Frering promoveu a estreia para convidados de “Relações Aparentes”, de Alan Aykbourn, com direção de Ary Coslov. A atriz também assina a produção do espetáculo, que tem ainda Tato Gabus Mendes e Giselle Batista no elenco e está em cartaz no Sesc Ginástico, no centro do Rio. Na plateia, Gloria Pires, amiga e incentivadora da carreira de Antonia desde que fizeram juntas o filme “Se Eu Fosse Você”. “Dá um pânico… zinho! Socorro!”, brincou a anfitriã da noite. “A cada dia que passa tento ir galgando alguma coisa. Se as pessoas viram no palco a minha personagem, e não eu mesma, já foi uma vitória”, comemorava, toda modesta.

A avaliação de Gloria? “É um texto bem inglês, mas delicioso. A Antonia está cada vez mais se realizando como atriz. É muito bacana acompanhar a trajetória dela. Ela faz a sério, monta coisas bacanas, com bons profissionais, buscando qualidade. Coloca a mão na massa mesmo. Uma guerreira. A gente sabe que não é fácil levantar uma produção como essa. Isso demonstra, além de força de vontade, um respeito e um amor muito grande por essa profissão. Eu adorei! Ela está ótima em cena. Foi uma noite adorável.”

Maria Frering, filha de Antonia e uma das glamurettes mais chiques – e discretas – da cidade, comentou: “Minha mãe é muito empenhada. Tenho orgulho de vê-la nessa luta. Ela está dando a cara a tapa, e superfeliz. Isso que vale. Costumamos ensaiar os textos juntas, mas dessa vez ela preferiu fazer segredo. Nem sabia como é a história. Achei o máximo, superdivertida. Minha mãe está muito natural. Acho engraçado assisti-la como atriz, mas até esqueci que era minha mãe de tão bem que ela está. Enxerguei a personagem, não a pessoa.”

Em tempo: a temporada será de dois meses. Depois a peça segue para São Paulo.

Você também pode gostar