Alinne Moraes, uma cobra como Scarlett Johansson. À entrevista!

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0
Alinne Moraes || Créditos: Glamurama
Alinne Moraes || Créditos: Glamurama

Alinne Moraes e Thiago Lacerda são os vilões e tentam matar Mogli no novo filme do clássico da Disney. Ela empresta a voz a uma cobra “de voz sedutora e olhar hipnótico”, como descreve o roteiro. Ele, a um tigre que foi ferido pelo verdadeiro pai do menino anos atrás e quer se vingar. Glamurama bateu um papo com os dois e com Marcos Palmeira, que interpreta o urso boa praça Baloo, aquele que canta “Somente o Necessário”. Todo mundo junto. Vem ler! (por Michelle Licory)

“Eu tento”

Como perguntar o que Alinne tem em comum com uma cobra? Bom, na verdade, ela tem bastante coisa. Primeiro, escolheram outra atriz tão linda quanto ela para a versão original, em inglês: Scarlett Johansson. Quer dizer… “A Alinne é a atriz certa para o papel, é nossa Scarlett”, resumiu Thiago. “Acho que o que eu tenho em comum com a personagem é a voz mesmo…” Sedutora? “Eu tento…”

“Se eu fosse peludo igual ao Tony Ramos…”

Marcos se identificou bastante com Baloo. “Adoro mel! Mas não sou preguiçoso. Acho que sou um bom companheiro, como o urso. Ele facilita muito a vida do Mogli, e o Mogli a dele. Se eu fosse peludo igual ao Tony Ramos, pareceria ainda mais. Mas acho que tenho esse astral, essa coisa relaxada…”  Thiago? “Eu sou perigosíssimo”, brincou.

Wanna Be Madrasta da Branca de Neve

Perguntamos aos vilões quais são seus malvados favoritos da Disney. “A madrasta da Branca de Neve. Gosto do cabelo preso e das sobrancelhas arqueadas. Uso até”, disse Alinne. “Scar [do ‘Rei Leão’]… Não, não gosto do Scar, ele é um escro**. O Capitão Gancho me interessa mais. Eu até tenho feito bastante vilão, mas por algum motivo sou mais lembrado pelos meus heróis épicos das novelas. Fiz a voz do tigre em casa para meus filhos. Eles ficaram com medo”, contou Thiago.

“Morando em sítio, tem que matar”

Voltanto à cobra da Alinne… Não é nenhum bicho de sete cabeças para a atriz. “Já vi muita cobra na minha vida. Infelizmente, a minha avó… Nem sei se posso falar isso. Mas ela tinha que matar algumas com água quente. Pra se salvar. Morando em sítio, tem que matar. Nasci em Sorocaba e fui criada até os 12 anos em um sítio, e hoje moro no Itanhangá [no Rio], onde às vezes também aparece cobra. O que fazer? É melhor não brincar, mas… Na escola também já mexi em cobra. Nunca tive muito problema, na verdade”.

Um exército de galinhas

Thiago deu um conselho para a colega. “O bom é criar galinha d’Angola. Lá em casa tenho um exércio delas. E sua função é basicamente limpar o terreno. Elas comem escorpião, aranha… E cobra. É só entender como a natureza funciona”. Marcos, que tem fazenda, também deu pitaco. “Alho é um excelente repelente para cobras”. Fica a dica, glamurette…

* Em tempo: “Mogli – O Menino Lobo” estreia nesta quinta-feira nos cinemas.

Alinne Moraes, Thiago Lacerda e Marcos Palmeira
Alinne Moraes, Thiago Lacerda e Marcos Palmeira || Créditos: Divulgação

 

 

Você também pode gostar