18.12.2019  /  11:30

No aniversário do gênio da telona Steven Spielberg, relembre 5 das cenas mais icônicas dirigidas por ele

Steven Spielberg || Créditos: Getty Images

Apesar de trabalhar só nos bastidores do cinema, Steven Spielberg é um dos homens mais famosos de Hollywood. E também um dos mais ricos, dono de uma fortuna pessoal estimada em mais de US$ 3,6 bilhões (R$ 14,6 bilhões). Tanto sucesso pode ser traduzido através de outras cifras, como os mais de US$ 14,3 bilhões (R$ 57,9 bilhões) arrecadados nas bilheterias mundiais que o diretor de clássicos da telona como “E.T. – O Extraterrestre” e “Jurassic Park” tem atrelados ao seu nome. Ou por meio de outros números, como as 19 indicações ao Oscar que ele recebeu até hoje.

Mas outra maneira bem simples de mostrar a importância de Spielberg – que completa 73 primaveras nesta qurta-feira – é lembrando algumas das cenas mais antológicas dele como maestro da sétima arte, sendo que a maioria dos cinéfilos consegue revisitar alguns dos melhores momentos de suas vidas sempre que assistem mais uma vez a essas tomadas icônicas.

Pegando carona no aniversário do maior cineasta vivo da atualidade, Glamurama lista a seguir suas 5 “mais mais” segundo os fãs. Continua lendo… (Por Anderson Antunes)

A perseguição sem cortes de “As Aventuras de Tintim”, de 2011

Essa é uma das mais recentes, porém nem por isso menos relevante. Lançada em 2011, a animação tem uma cena de vários minutos que mostra uma perseguição maluca por vários pontos do Marrocos e que envolvem um jipe, uma motocicleta e até uma águia. E tudo isso sem interrupções ou trocas de ângulos.

As bicicletas voadoras de “E.T. – O Extraterrestre”, de 1982

Quem foi ao cinema nos anos 1980 certamente vai concordar: a cena em que o garotinho escapa da polícia junto com seus amigos pedalando rumo ao ar, ao som da trilha sonora de John Williams, dispensa comentários. Para muitos, trata-se de um dos melhores momentos da telona em todos os tempos.

A bola gigante de “Os Caçadores da Arca Perdida”, de 1981

Spielberg é o grande responsável por ter transformado o herói Indiana Jones em um dos mais famosos do cinema, sobretudo porque foi dele a decisão de escolher Harrison Ford para interpretar o personagem. E quem é fã de carteirinha do aventureiro tem na cabeça a cena em que Jones escapa de uma pedra enorme em formato de bola, com direito a um toque especial no final…

O ataque de um tiranossauro rex em “Jurassic Park”, de 1993

Não bastasse ter deixado sua marca lá na década de 1980, Spielberg repetiu a dose nos anos 1990 com o primeiro episódio da franquia que revisitou tantas outras vezes depois. O filme é cheio de suspense e até meio macabro em certos momentos, e um dos melhores (e mais aterrorizantes) é aquele que mostra vários personagens fugindo do maior predador de todos os tempos. Ui!

O Dia D de “O Resgate do Soldado Ryan”, de 1998

O filme inteiro é uma obra espetacular, mas a cena de abertura está em outro nível. Com quase 20 minutos no total, é praticamente um curta sobre os horrores da guerra, de uma forma realista e muito bem apresentada, que leva o espectador em uma viagem pelo tempo daquelas que requerem um respiro profundo quando terminam. Coisa de gênio mesmo.