22.06.2019  /  9:00

No dia em que Meryl Streep faz 70 anos, as curiosidades sobre a diva das divas de Hollywood

Meryl Streep || Créditos: Reprodução

Todo mundo sabe que Meryl Streep é a atriz viva mais cultuada de Hollywood, com nada menos que 21 indicações ao Oscar (e ganhadora de três das estatuetas mais cobiçadas pelo povo do cinema) além de continuar sendo requisitadíssima apesar de seus 70 anos completados nesse domingo – um fato raríssimo na profissão dela, diga-se de passagem. Mas existe muita coisa sobre a grande dama da telona que a maioria dos cinéfilos desconhece.

E como o dia é dela, a gente separou algumas curiosidades sobre a atriz que, cá entre nós, a tornam ainda mais interessante. Continua lendo… (Por Anderson Antunes)

A atriz em cena de “Música do Coração” || Créditos: Divulgação

Tudo pela arte

Camaleônica até o limite, Meryl costuma mergulhar de cabeça em sua preparação para os personagens que interpreta na telona. Quando estrelou “Música do Coração”, no qual interpretou a violinista Roberta Guaspari, ela passou meses estudando violino durante seis horas por dia, até pegar o jeito do instrumento para parecer convincente no papel. Ela também ouve horas e horas de música clássica quando lê pela primeira vez os roteiros dos papéis que chegam em suas mãos.

Streep na juventude || Créditos: Reprodução

Doutora Streep?

Foi por pouco, aliás, que o mundo quase perdeu a chance de conferir o talento e a dedicação de Meryl, já que ela considerou uma carreira como advogada no início da vida acadêmica e até tentou estudar direito na universidade americana Yale. A ideia não vingou porque a atriz perdeu a chance de se inscrever no curso na última data disponível porque… dormiu demais!

Até garçonete ela já foi, e na vida real || Créditos: Reprodução

A conta, please!

Também foi em Yale que Meryl estudou artes dramáticas e, depois de se formar com louvor na escola de drama da universidade, ela foi tentar a vida como atriz em Nova York. Como não conseguia trabalhos, a solução foi servir mesas em um hotel de New Jersey por um tempo. Sim, Meryl Streep, a diva das divas hollywoodianas, já trabalhou como garçonete.

O primeiro Oscar ninguém esquece… Ou esquece? || Créditos: Reprodução

Cabeça de vento

Quem vê Meryl hoje em dia se impressiona com o estilo classudo dela, mas a verdade é que a atriz é do tipo desastrada na vida privada. E esquecida também: em 1979, depois de vencer seu primeiro Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por “Kramer Vs. Kramer”, ela esqueceu o prêmio da Academia no banheiro de uma festa a qual compareceu.

Meryl e seu nariz polêmico || Créditos: Reprodução

Não, obrigada

Uma das marcas registradas de Meryl é o nariz proeminente dela. Como milhões de pessoas, ela sofre de desvio de septo nasal e apesar de o problema ser facilmente solucionável com uma cirurgia simples, ela nunca cogitou a hipótese de se submeter à faca, apesar dos “conselhos” para fazer justamente isso que ouviu – e continua ouvindo – de algumas de suas colegas.

A atriz em “A Dama de Ferro” || Créditos: Reprodução

Dama dos desafios

Meryl ganhou seu último Oscar em 2012, por sua performance em “A Dama de Ferro”, no qual interpretou a ex-primeira ministra do Reino Unido Margaret Thatcher naquele que é considerado um dos melhores papéis de sua carreira. Mas a atriz quase perdeu a chance de levar a estatueta, já que na realidade ela afirma não ser admiradora da política e a princípio se sentia incomodada com o papel. Ela só aceitou o trabalho depois de ser convencida pela diretora do filme, Phyllida Lloyd.