15.02.2018  /  10:39

Nicole Kidman interrompe silêncio e fala sobre a empreitada da filha adotiva na moda

Nicole Kidman e sua filha adotiva Bella Cruise || Créditos: Getty Images

Momento raro aconteceu com Nicole Kidman enquanto aguardava na fila A o início do desfile da Calvin Klein, que rolou nessa terça-feira na semana de moda de Nova York. Em entrevista ao site “ET Online” a atriz falou, pela primeira vez em muitos anos, de sua filha Bella Cruise, 25, adotada junto com Connor Cruise, 23, pela atriz e por Tom Cruise em 2000, um ano antes de se divorciarem.

Nicole disse estar “muito animada” com a marca de t-shirts lançada pela primogênita. Batizada BKC (Bella Kidman Cruise), a label reúne camisetas que custam US$ 85 dólares (R$ 275) e levam como estampas desenhos criados à mão livre por ela. “Acho que essa é uma ótima forma de se expressar, além de Bella ser uma ótima desenhista. Ela sempre foi capaz”, completou Nicole sobre a novidade. Questionada se o senso de estilo da garota vem de família, a atriz e produtora de “Big Little Lies” falou: “Eu não tenho uma linha de moda mas acho que um amor por isso sim, definitivamente.”

Clique de Bella publicado no site da marca de t-shirts de sua autoria || Créditos: Divulgação

Especula-se que Nicole tenha sido impedida de manter contato com os filhos adotivos após o divórcio que aconteceu em 2001 por ordem da Cientologia, crença seguida fervorosamente por Tom Cruise que ordena que, em caso de separação, os filhos devem ficar sob a guarda apenas de quem segue a religião.

Anos depois da adoção de Bella e Connor, Nicole deu luz a Sunday Rose, 9, e Faith Margaret, 7, frutos de seu casamento com seu atual marido, Keith Urban.

Em rara entrevista dada em 2016, Bella negou que estivesse afastada de seus pais, mas os rumores ganharam força durante a cerimônia do Emmy, em 2017, quando Nicole dedicou o prêmio que recebeu apenas a suas “duas garotinhas”, deixando de mencionar Bella e Connor.