08.11.2018  /  14:16

Nicole Kidman abre o jogo sobre por que se mantém distante de seus filhos com Tom Cruise

Nicole Kidman com os filhos Connor e Isabella Matthew Simmons/Getty Images

Nicole Kidman fez uma rara declaração pública sobre seus filhos com o ex-marido Tom Cruise, Isabella, 25, e Connor, 23. A atriz revelou à revista australiana WHO o por quê de sua relação distante com eles: “Eles escolheram ser cientologistas e, como mãe, é meu dever amá-los. Sou um exemplo dessa tolerância e é nisso que eu acredito. Não importa o que seu filho faça, ele tem que saber que existe amor disponível e eu estou aqui”.

Em outra entrevista dada recentemente, Nicole disse que escolheu não falar publicamente sobre a Cientologia, polêmica igreja da qual seu Tom Cruise é um dos principais seguidores e garoto-propaganda. “Respeito as crenças dos meus filhos”, falou ela.

Aliás, a Cientologia também é vista com a causa do distanciamento de Cruise de sua filha caçula, Suri, 12 anos, fruto de seu casamento com a atriz Katie Holmes. Assim como Nicole, Katie não quis se envolver com a religião do marido.

No documentário ‘Going Clear: Scientology and the Prison of Belief’, o diretor Alex Gibney sugere que a igreja é, sim, a responsável pela rompimento entre Nicole e seus filhos mais velhos.

A ex-cientologista Leah Remini publicou em seu livro ‘Troublemaker: Surviving Hollywood and Scientology’ que Nicole pode ter sido transformada em um ‘SP’ pela igreja. ‘SP’ entre os seguidores da religião é uma ‘Pessoa Supressiva’, termo usado para se referir a ex-membros da Cientologia, que geralmente indica que são pessoas que devem ser ‘isoladas’ de suas famílias por serem más influências.