17.12.2018  /  10:39

“Nasce Uma Estrela” e “Bohemian Rhapsody” podem ganhar readaptações na Broadway

Lady Gaga e Cooper em cena de “Nasce Uma Estrela”, e Malek em “Bohemian Rhapsody” || Créditos: Divulgação

Dois dos maiores sucessos da telona nesse ano poderão ganhar readaptações para os palcos da Broadway em um futuro não muito distante. As produções em questão são “Nasce Uma Estrela”, cujo elenco é encabeçado por Lady Gaga e Bradley Cooper, e “Bohemian Rhapsody”, a cinebiografia em versão musical dos primeiros anos de Freddie Mercury que tem Rami Malek como o líder da banda britânica Queen.

O primeiro faturou até agora mais de US$ 376,2 milhões (R$ 1,47 bilhão) nas bilheterias internacionais, enquanto o segundo conseguiu levantar impressionantes US$ 635,9 milhões (R$ 2,49 bilhões) com a venda de ingressos mundo afora. Ambos custaram entre US$ 36 milhões (R$ 141,1 milhões) e US$ 52 milhões (R$ 203,9 milhões) para serem filmados, e são desde já candidatos fortíssimos para os próximos Globo de Ouro e Oscar.

Poderosos do universo teatral de Nova York se reuniram recentemente para discutir a possibilidade de transformá-los em musicais, a fim de pegar carona em sua popularidade. Uma das mais entusiasmadas com a ideia é Daryl Roth, vencedora de dez prêmios Tony e responsável por montagens de sucesso como “Wit” e “Salome”, sendo esta última a versão de 2003 estrelada por Al Pacino.

No caso do filme sobre Mercury e companhia, dirigido por Bryan Singer, nada nesse sentido deverá ser lançado antes de a Fox bater o martelo sobre uma cada vez mais provável continuação do longa. Conforme disse na semana passada Brian May, o guitarrista do Queen, uma nova trama sobre os últimos anos do roqueiro e a inesquecível apresentação dele no Live Aid de 1985 deverá ganhar os cinemas nos próximos anos. (Por Anderson Antunes)