10.12.2018  /  14:28

“Não vejo diferença entre vaginas e pênis quando trabalho”, diz Sandra Bullock sobre ser dirigida por Susanne Bier

Sandra Bullock, Trevante Rhodes, e Dylan Clarck de “Bird Box” e Noah Schnapp, Caleb McLaughlin e Sadie Sink de “Stranger Things” || Créditos: reprodução Instagram

Ainda em clima de CCXP, nesta segunda-feira, a Netflix reuniu astros e produtores de alguns de seus novos filmes e séries para falar das novidades da gigante de streaming. Um dos lançamentos mais esperados, o suspense “Bird Box”, – que deve ganhar o título “Caixa de Pássaros” por aqui -, baseado no livro de 2014 de Josh Malerman e dirigido por Susanne Bier, nos apresenta Malorie, papel interpretado por Sandra Bullock, que juntamente com seus dois filhos precisa enfrentar uma jornada de sobrevivência, depois que uma força alienígena acaba com a população local. O maior perigo é que os três precisam atravessar um rio traiçoeiro a remo e com os olhos vendados. Trevante Rhodes se junta a ela nessa jornada, dando vida a Tom, com quem Malorie se envolve na trama. “Interpreto uma mulher que está  isolada e grávida. Ela se dá conta que vai ter o filho se quiser ou não”, falou a atriz sobre o filme que estreia 21 de dezembro.

Apesar das dificuldades em gravar algumas cenas de olhos vendados, os atores contam que tiveram apoio de um instrutor o tempo todo e ainda aprenderam pequenos truques para “ouvir” seus outros sentidos. A parte mais difícil, conta ela, foi atuar com duas crianças de quatro anos também vendadas, porque ela era a responsável pela a segurança dos pequenos: “Prometi aos pais que devolveria eles inteiros ao fim do dia”, brincou. “Mas as crianças eram incríveis, dois pequenos profissionais”, elogia.

Sandra Bullock em cena de “Bird Box” || Créditos: reprodução Netflix

Bullock também enalteceu a diretora Susanne Bier, garantindo que não vê diferença entre ser dirigida por mulher ou homem. “Trabalho com mulheres e não vejo diferença entre vaginas e pênis quando estou atuando. Gosto de bons diretores. Susanne soube exatamente o que queria fazer. Ela é muito focada e ama intimidade entre pessoas, não só sexual, mas o que realmente faz as relações. Me senti muito confortável, segura”, garantiu.

Seguindo o tipo comédia, como na maioria de seus papéis, ela ainda falou sobre a recepção dos fãs brasileiros: “Me senti  como os rock stars devem se sentir. Não toco instrumentos, mas me senti como se fosse um músico”, brincou.

Além da produção com Bullock, nesta manhã foi apresentada a nova série “The Umbrella Academy”, que estreia em fevereiro, que tem elenco formado por Ellen Page, Tom Hopper, David Castañeda, Emmy Raver-Lampman e os produtores executivos Gerard Way e o brasileiro Gabriel Sá. O trio fofo e descolado Noah Schnapp, Caleb McLaughlin e Sadie Sink falou sobre a nova temporada do mega sucesso “Stranger Things”. Para finalizar, Andy Serkis contou sobre o remake “Mogli: entre dois mundos”, longa que tem sua direção e ainda interpretação como o urso Balu. (Por Morgana Bressiani)