19.10.2017  /  11:05

“Não consegui assimilar prazer, foi muito sério pra mim”, diz Fernando Scherer sobre natação

Fernando Scherer no desfile de Ricardo Almeida em São Paulo || Créditos: Paulo Freitas

Fernando Scherer foi ao desfile do amigo Ricardo Almeida na noite dessa terça-feira, em São Paulo. Boa pinta que é, o ex-nadador cravou “7 anos” como o hiato de tempo que não ia a um evento social, período em que está casado com Sheila Mello. “Já saí muito, decidi me dedicar à família”. Assim como o apelido Xuxa, a natação também é coisa do passado na vida de Scherer, mas não nos negócios. Apesar de não entrar em uma piscina há 10 anos – a não ser pra brincar com a filha mais nova, Brenda, 4 anos -, toca há mais de 18 anos a marca Hammerhead, da qual se orgulha por ser a segunda maior especializada em produtos para natação do país.

Falou que já sentiu falta das raias, onde bateu muitos recordes, mas passou. “Estou bem resolvido com isso e a explicação é simples: eu sabia demais sobre o esporte, sei o que deve ser feito para o movimento ser perfeito e o movimento não vai mais ser perfeito por eu não estar treinado. Então é frustante saber que to fazendo mal feito. Por isso não consegui assimilar hobby/prazer/lazer naquilo que foi muito sério pra mim.”

Sobre a nova geração de nadadores, disse: “Acho que tem muita gente surgindo, mas o esporte no Brasil tá vivendo um momento turbulento, que precisa dar uma clareada para que os investidores voltem a investir com peso. Para isso é preciso que seja dada ao esporte a credibilidade que deveria ter.” À falta de confiança ao esporte, Xuxa atribui escândalos políticos que envolvem o Comitê Olímpico e as Confederações. “É preciso que haja uma mudança na estrutura geral no Brasil, não só no esporte, pra que tudo volte a fluir.”

Além de gerir a marca, Scherer ministra palestras motivacionais: “Para alcançar um objetivo é preciso abrir mão de algumas coisas, por isso ajudo pessoas a identificarem qual a importância tem seus desejos.”

A rotina atual diária do ex-atleta olímpico se baseia em cerca de 1h30 de estudos, 1h de meditação, 1h de academia, e levar e buscar a filha na escola. Além de Brenda, ele também é pai de Isabella, 21 anos. (Por Julia Moura)