11.02.2019  /  15:01

Morre, aos 66 anos, o jornalista Ricardo Boechat vítima de acidente de helicóptero em São Paulo

Morreu no início da tarde desta segunda-feira, Ricardo Boechat, aos 66 anos. O jornalista está entre as vítimas de um acidente de helicóptero no Rodoanel, em São Paulo. Ele voltava de Campinas, onde tinha ido dar uma palestra e a previsão era posar nos estúdios da Bandeirantes, no Morumbi.

Boechat nasceu em Buenos Aires, na Argentina, e começou a atuar em redações em 1970, no Rio de Janeiro. Na década de 1980 trabalhou em O Globo e é discípulo de Ibrahim Sued, e, ao longo da carreira, acumulou passagens por veículos como: Jornal do Brasil, onde trabalhou com Zózimo Barroso do Amaral, SBT e O Dia. Ele também foi Secretário de Comunicação Social do Estado do Rio de Janeiro, em 1987. Em 2005, entrou para o grupo Bandeirantes, em que era âncora do Jornal da Band e do jornal da manhã da rádio Band News FM. Premiadíssimo, Ricardo Boechat ganhou três Esso e é o recordista em troféus Comunique-se.

Ele era casado com Veruska Seibel, desde 2005, com quem tinha duas filhas: Valentina, 12 anos e Catarina, de 10. O jornalista deixa outros quatro filhos: Bia, 40, Rafael, 38, Paula, 36, e Patricia, 29, frutos do primeiro casamento com Claudia Costa de Andrade. Boechat era um frequentador assíduo do restaurante Kosushi, em São Paulo, e todos por lá também estão chocados com a notícia. Glamurama está muito triste com a perda e se solidariza com a dor da família.