Publicidade

Explosão noturna

Este clube, o Bisou, que está bombando de quinta a sábado no lugar do antigo Carbone, é a revolução da cena parisiense. Lá, nós nos distanciamos completamente da batida incessante da techno e abraçamos uma atmosfera de festa simples e vibrante. Nos subterrâneos da antiga estação de bombeiros de Château-Landon, somos transportados para um mundo de pura diversão, entre bolas de espelhos cintilantes, plantas tropicais com um toque de kitsch e luzes coloridas que incendeiam a pista de dança. Em termos de música, somos surpreendidos com uma mistura de hits de discoteca vintage, batidas pesadas que fazem o chão tremer e melodias suaves para dançar agarradinho. O club se tornou o epicentro para ver e ser visto, você encontrará uma fauna noturna diversificada, desde os amantes da arte até os fashionistas mais descolados. Do funk ao disco, o Bisou, com suas luzes roxas hipnotizantes, é o lugar perfeito para quem busca uma experiência única e cheia de energia.

 

Magia japonesa

Localizada na movimentada rue Rambuteau, no coração do Marais, encontra-se a boulangerie Carre Pain de Mie, um verdadeiro tesouro escondido para os apreciadores da arte da panificação. Sob a direção de hábeis padeiros japoneses, esta padaria conquistou tanto locais quanto turistas com sua excepcional produção de pão de mie. Enquanto muitas vezes é subestimado como simples pão de forma, aqui é elevado a um patamar de excelência. Com uma técnica única e o uso de ingredientes de alta qualidade, o pão de mie da Carre é reverenciado por sua textura macia e sabor incomparável. Cada pedaço deste pão é uma verdadeira obra-prima culinária, resultado da utilização de farinha japonesa exclusiva e de um cuidadoso processo de produção. Os clientes têm o privilégio de desfrutar deste deleite de diversas maneiras: desde o tradicional pão em tamanho extra-grande para os amantes da simplicidade até os irresistíveis croque-monsieur e croque-madame preparados na hora.

 

Zobrazit příspěvek na Instagramu

 

Příspěvek sdílený Carré Pain de Mie (@carrepaindemieparis)

 

Periodo poético

Flores, rosa e mais rosa… É primavera em Paris, então é hora de sair e admirar as belas cerejeiras que florescem na Cidade Luz. Claro, quando pensamos nessas flores, logo vêm à mente as cerejeiras do Japão, os sakuras, que a cada primavera nos presenteiam com suas lindas flores rosas. Aqui estão algumas dicas para celebrar o Hanami em Paris. No final da linha 10 do metrô, nos jardins do museu Albert Kahn, entre lilases da Índia e lavandas do Afeganistão, você poderá contemplar as cerejeiras do Japão. Já na charmosa Square Jean XXIII, as cerejeiras formam quase um teto de flores rosa, e entre os galhos, avista-se a catedral… é algo para se ver. No Jardin des Plantes, você encontrará uma grande cerejeira shirotae. Esse nome, traduzido como “branca de neve”, refere-se à cor de suas flores. Mesmo que você não encontre as flores rosa que estão por toda parte, este é o momento de descobrir outra árvore com flores magníficas. O Jardin des Tuileries, conhecido por ser um local para piqueniques, também abriga belas cerejeiras. E os jardins do Trocadéro, que oferecem uma vista esplêndida da Torre Eiffel, estão repletos de cerejeiras que produzem belas flores rosa.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por @ana_yomisma988

 

 

 

 

 

 

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

Dia 12 de Abril

Dia 12 de Abril

Festival de Cannes À medida que o Festival de Cannes se aproxima de seus 80 anos, Thierry Frémaux...
Dia 11 de Abril

Dia 11 de Abril

Fragrâncias de Chanel Pelo terceiro ano consecutivo, a Chanel encanta novamente a capital com seu jardim efêmero durante...
Dia 10 de Abril

Dia 10 de Abril

Altas horas   Ver essa foto no Instagram   Uma publicação compartilhada por VIRAGE (@virage.paris) Não são as...

Instagram

Twitter