Anderson Cooper
Reprodução/Gage Skidmore via Wikimedia Commons

Anderson Cooper não pensa em deixar sua fortuna de mais de R$ 1 bi para o filho

38 Compartilhamentos
38
0
0
0
0

Assim como fez sua mãe, que lhe reservou “só” US$ 1,5 milhão (R$ 8 milhões) em seu testamento de uma fortuna estimada em mais de US$ 200 milhões (R$ 1,07 bilhão), Anderson Cooper não pensa em deixar muitos bens para seu filho Wyatt, de um ano.

Filho da lendária socialite americana Gloria Vanderbilt, morta em 2019, o jornalista e apresentador da “CNN” disse em um podcast não acreditar na ideia de que dinheiro deve ser passado de geração para geração, tal como Bill Gates.

“Eu não sei qual será meu patrimônio total quando eu morrer, mas o Wyatt certamente não irá receber um pote de ouro quando isso acontecer”, Cooper, de 54 anos, explicou no podcast “Morning Meeting” do site AirMail que foi ao ar no último sábado.

Com estimados US$ 200 milhões (R$ 1,07 bilhão) na conta, que juntou sozinho como astro da telinha nos Estados Unidos, Cooper teve Wyatt em abril do ano passado, via barriga de aluguel, com o ex-marido Benjamin Maisani, de quem havia se separado pouco tempo antes.

Você também pode gostar