Leia a coluna “Moda” por Helô Gomes. Em pauta? O arco-íris de possibilidades.

0 Compartilhamentos
0
0
0
0
0

É engraçado: ver outra pessoa usando cores parece algo totalmente harmonioso, mas, na hora de brincarmos com uma simples variação de tom em nossos próprios looks, ficamos com a impressão de que algo simplesmente não funciona.

* A verdade é que o inconsciente fashion dá conta de que o preto e o branco (em parceria com seus similares em cinza) são sempre mais corretos. Bom, não se a gente souber brincar com o arco-íris… Quando uma marca como a inglesinha Burberry Prorsum se permite variar no tradicional trenchcoat (criado lá em 1900 por Thomas Burberry) é hora de repensarmos nossos conceitos, não é mesmo?

* Na coleção de primavera-verão 2011, por exemplo, os modelos mais caretinhas apareceram na companhia de cintos fluorescentes, que tal?

Fica a dica de Christopher Bailey, diretor criativo da marca: no verão, nada de ter medo das cores. Nem de dia, muito menos de noite.

Por Helô Gomes

Você também pode gostar