05.11.2020  /  12:21

Meryl Streep vai entregar prêmio a Amal Clooney por sua luta pelos direitos humanos

Meryl Streep e Amal Clooney
Meryl Streep e Amal Clooney || Créditos: Reprodução

Vai rolar um encontro de titãs no próximo dia 19, data em que Meryl Streep entregará a Amal Clooney um prêmio em reconhecimento aos trabalhos desenvolvidos pela advogada no campo dos direitos humanos. Amal será a principal estrela na próxima edição do International Press Freedom Awards, uma premiação criada em 1991 pelo Comitê de Proteção aos Jornalistas (CPJ, na sigla em inglês) e na qual personalidades ligadas à luta pelas liberdades civis são homenageadas por seus esforços.

No passado, bambambãs da mídia americana como os jornalistas Christiane Amanpour, Terry A. Anderson, Brian Williams e Tom Brokaw receberam a mesma honraria, que em geral não costuma ser estendida a profissionais de fora da imprensa. Em tempo: o evento é tradicionalmente realizado em algum hotel famoso de Nova York, mas nesse ano será virtual por causa da pandemia de Covid-19.

Casada com George Clooney desde 2014, Amal tem um extenso e respeitável currículo que incluiu passagens pela ONY e outros órgãos importantes. Já sua lista de clientes inclui grandes nomes como Julian Assange, fundador do WikiLeaks, além de Yulia Tymoshenko, ex-primeira-ministra da Ucrânia, do jornalista egípcio Mohamed Fahmy e da vencedora do Nobel Nadua Murad, todos vítimas de algum tipo de perseguição promovida por governos autoritários. (Por Anderson Antunes)