30.10.2019  /  16:17

Meghan Markle recebe apoio das mulheres do Parlamento do Reino Unido sobre críticas da imprensa

De acordo com pesquisa, maioria dos britânicos tem opiniões positivas de Harry e Meghan / Crédito: Getty Images

Apenas um dia depois de mais uma crise do Brexit ser evitada, o Parlamento voltou a se concentrar em outra questão que divide o público britânico: a relação de Meghan Markle com a imprensa. Nessa terça-feira, 72 deputadas divulgaram uma carta aberta em apoio à duquesa descrevendo especificamente alguns dos ataques que ela já sofreu. Embora não anuncie nenhuma ação específica em nome de Meghan, a carta promete “usar os meios à disposição para garantir que a imprensa aceite seu direito à privacidade e a respeite”.

A deputada Holly Lynch, signatária da carta, compartilhou o documento no Twitter, juntamente com um comentário: “Mulheres deputadas de todos os partidos políticos deixaram de lado as diferenças para apoiar a Duquesa de Sussex”. Segundo a ITV,  Lynch originou a carta, mas membros do Partido Conservador e dos Democratas Liberais também assinaram. “Em algumas ocasiões, histórias e manchetes representaram uma invasão de sua privacidade e tentam lançar uma reflexão sobre uma pessoa, sem qualquer motivo”, afirmou a carta. “Com isso em mente, esperamos que a mídia nacional tenha integridade para saber quando uma história é do interesse de todos e quando ela procura derrubar uma mulher sem motivo aparente”.

De acordo com uma pesquisa publicada pelo Daily Express no domingo, a maioria dos britânicos tem opiniões positivas de Harry e Meghan. Das duas mil pessoas pesquisadas, mais da metade concordou que simpatizavam com Harry, enquanto 42% disseram o mesmo sobre Meghan. Quando perguntado se o casal está “prejudicando a monarquia”, apenas 31% concordaram.