27.01.2016  /  19:24

Maureen Chiquet deixa o cargo de CEO Global da Chanel após 9 anos

129609305MV045_The_New_York
Maureen Chiquet deixa o cargo de CEO Global da Chanel || Créditos: Mark Von Holden/Getty Images

Maureen Chiquet, CEO Global da Chanel desde 2007, anunciou nesta quarta-feira que deixará o cargo no fim deste mês alegando divergências de opiniões a respeito de estratégias de direção. Executivos da marca disseram ao portal “WWD” que Alain Wertheimer, atual presidente da Maison, vai assumir a gestão operacional da empresa.

Durante sua carreira na Chanel, Maureen “supervisionou a expansão internacional bem-sucedida da Casa Chanel, reforçou o seu posicionamento e imagem de luxo e fez o negócio crescer em cada uma de suas categorias”, disse um representante da marca em entrevista ao portal. Sobre os futuros planos da executiva, ainda não se tem notícia.

Sobre Maureen Chiquet

Nascida em 1963 em St. Louis, em Missouri, nos EUA, ela frequentou a Yale University, onde graduou-se em Cinema e Literatura. Na sequência, mudou-se para Paris, onde conseguiu um estágio na  L’Oréal e permaneceu por três anos. De volta aos EUA, atuou na equipe de merchandising da GAP e, em 2002, foi nomeada presidente da Banana Republic, marca que pertence ao grupo GAP Inc. Foi em 2003 que foi contratada pela Chanel, inicialmente como presidente das divisões de perfume, beleza e joias da marca nos Estados Unidos até que, em 2007, assumiu a posição de CEO Global da label. Atualmente, ela também atua no Conselho de Atividades Internacionais da Universidade de Yale e possui uma cadeira no conselho de administração da empresa de vestuário infantil Peek Aren’t You Curious e da New York Academy of Art. Quem pode, pode!