Mark Zuckerberg, cofundador do Facebook || Créditos: Getty Images

Mark Zuckerberg perdeu US$ 6 bilhões na bolsa desde quarta-feira

03.11.2016  /  15:22

Mark Zuckerberg, cofundador do Facebook || Créditos: Getty Images
Mark Zuckerberg, cofundador do Facebook || Créditos: Getty Images

Mark Zuckerberg está tendo uma semana daquelas. Na quarta-feira, em um intervalo de apenas duas horas, a fortuna do fundador do Facebook diminuiu cerca de US$ 3,7 bilhões (R$ 11,9 bilhões) por conta da forte queda da ação do site de relacionamentos na bolsa eletrônica Nasdaq. A movimentação negativa continua nesta quinta-feira, com a ação do site operando em forte baixa de mais de 4,34%, o que até agora custou outros US$ 2,3 bilhões (R$ 7,4 bilhões) a Zuckerberg, hoje o quinto homem mais rico do mundo.

O motivo do mau humor dos investidores tem a ver com a divulgação dos resultados do Facebook no terceiro trimestre. Apesar de ter faturado US$ 7 bilhões (R$ 22,6 bilhões) entre julho e setembro de 2016, 56% a mais do que no mesmo período do ano passado, e de ter lucrado US$ 2,4 bilhões (R$ 7,7 bilhões), alta de 166% em relação ao terceiro trimestre de 2015, o site informou ao mercado que suas despesas deverão aumentar no próximo ano, em razão da quantidade cada vez maior de vídeos compartilhados por seus usuários.

É o tipo de gasto que aumenta consideravelmente os custos totais de manutenção de rede e tem impacto direto nos lucros. Há quem diga que a lua de mel dos investidores com o Facebook pode estar perto de acabar por conta disso. (Por Anderson Antunes)