12.09.2014  /  12:43

Marieta Severo traz “Incêndios” a SP e dedica papel a Zuzu Angel

Marieta Severo em “Incêndios”

Com direção de Aderbal Freire-Filho e Marieta Severo no papel principal, estreia no dia 19 de setembro em São Paulo, no Teatro FAAP, a peça “Incêndios”, com texto do libanês Wajdi Mouawad. Sucesso na temporada carioca de nove meses, o texto ganhou o prêmio “Molière”, na França, e foi adaptado para o cinema pelo diretor canadense Denis Villeneuve, recebendo indicação ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2011. Glamurama esteve com atriz, diretor e elenco na coletiva da peça, nessa quinta-feira.

A peça conta a história de Nawal, uma mulher cuja vida é intimamente ligada à guerra civil em um país árabe e começa com a sua morte no exílio, no Canadá, quando o seu casal de filhos gêmeos recebe uma tarefa que levará à revelação do passado obscuro da mãe. Nawal é uma vítima da violência e Marieta conta que, na leitura do texto, lembrou imediatamente da sua geração, “que também sofreu com a violência, também passou por torturas”. Não à toa, a atriz dedica o seu papel a Zuzu Angel, “acompanhei a saga dela de perto”, “me alimentei dessa experiência”. Marieta vive a personagem desde os seus 15 anos até os 65, sem grandes artifícios de figurino e cenografia, de forma não linear. Para ela o papel do diretor é essencial para que a equação dê certo: “Gosto muito do trabalho do diretor.” O que Freire-Filho, marido de Marieta, respondeu prontamente brincando: “Especialmente de mim!”.

O texto chegou à dupla pelas mãos do jovem ator Felipe de Carolis, um dos gêmeos da personagem na peça. Para a temporada em São Paulo, a expectativa é grande de Aderbal Freire-Filho: “No Rio só existem grandes teatros e teatros de shopping. Em São Paulo existe um movimento de grupos, quando Marieta e Andréa (Beltrão) criaram o (teatro) Poeira, elas pensaram nisso. O público paulistano é comprometido, fiel ao teatro.”

“Incêndios”

Teatro FAAP, Rua Alagoas, 903

De 19 de setembro a 14 de dezembro