11.09.2014  /  19:58

Marieta Severo sobre o fim de “A Grande Família”: “Estou de luto”

Marieta Severo como Nenê em “A Grande Família” e na coletiva de “Incêndios”

“Estou de luto”. Esta foi a primeira frase de Marieta Severo quando perguntada sobre o fim do programa “A Grande Família”, cujo último episódio vai ao ar logo mais, na noite desta quinta-feira. Embora estivesse participando de coletiva em São Paulo sobre a peça “Incêndios”, a atriz falou abertamente sobre a despedida: “É muito avassalador você fazer um personagem durante 14 anos. A maneira como ele entra em você, como se apossa em você. Eu nunca tinha tido isso antes na minha vida e não vou ter mais. É muito difícil se despedir do convívio com os atores, com meus colegas, com a família que virou… As últimas gravações foram quase melancólicas. A gente foi se despedindo aos poucos neste ano. Tinha uma coisa muito típica, estar em volta daquela mesa era um encontro nosso também, era um momento familiar nos bastidores.”

Para Marieta, chegou mesmo a hora do programa terminar: “Saímos com uma grande aceitação do público, não repousamos sobre os louros. Existia um aprimoramento constante e terminamos como sonhamos, com o programa ainda querido pelo público”. Mas nem tudo é luto! Marieta está animada com o que vem pela frente e a temporada da peça “Incêndios” em São Paulo. “Eu tenho o privilégio de ter um grande sucesso teatral nas mãos. Quero usufruir disso com muita tranquilidade. O que também ajuda a não ficar um buraco tão grande de “A Grande Família”. Eu não estou, apesar da minha família não acreditar nisso (risos), aceitando outras coisas.”

A atriz fala com carinho da personagem Nenê: “Nada será parecido. Marcou no sentido do tempo, mesmo. O tempo é uma coisa muito poderosa. A gente era feliz e sabia. Eu nunca, nem antes, nem depois, vou ter vivido e compartilhado com colegas durante tanto tempo. Eu entrei ontem no estúdio que a gente gravava no Projac ( ela esteve lá para participar do programa de Fátima Bernardes) e pensei: ‘Onde está a minha casinha? Para onde vão esses fantasmas?’. Marieta também estava satisfeita com o destino de Nenê: “Adorei essa virada que eles deram, de tirarem ela de casa para trabalhar e achei muito bonito o Lineu ir ajudá-la na Adega. A Nenê sempre se relacionou com todos pelo amor, até com o Agostinho (risos), ela compreende através do coração, através do amor. Acho que essa é a melhor maneira de enxergar o outro”. (por Verrô Campos)